10 anos de Jazz im Goethe-Garten

10 anos de Jazz im Goethe-Garten

O Jazz nos jardins

Durante todo o mês de Julho, o Instituto Goethe celebra os 10 anos do JIGG – Jazz im Goethe-Garten. O Festival, programado pelo conceituado Rui Neves (Jazz em Agosto), traz alguns dos nomes mais entusiasmantes do jazz e da música improvisada actual aos jardins do Instituto Goethe. Um concerto por dia, ao fim da tarde, num ambiente descontraído e veraneante.

Como já vem sendo habitual, o JIGG abre com um projecto português e encerra com uma banda alemã. O festival estende-se também por outros locais como o Hot Clube de Portugal, o salão Brazil em Coimbra e o SMUP na Parede. Os portugueses escolhidos para fazer as honras nesta décima edição são Rodrigo Amado e Motion Trio (ver entrevista). É a primeira vez que tocam no JIGG e trazem um convidado especial, o pianista Rodrigo Pinheiro. O projecto editou este ano dois discos gravados ao vivo, “The Freedom Principle” e “Live in Lisbon” com a participação do trompetista Peter Evans e trazidos à luz pela mão da editora finlandesa No Business. Do concerto nos jardins do Goethe Institute podemos esperar ouvir melodias irrepetíveis e únicas, entre o jazz e a improvisação num momento descontraído e uma forte comunicação entre os músicos e o público.

A encerrar o festival no dia 17 nos jardins e dia 18 de Julho na mítica sala do Hot Clube Portugal, podemos ver os alemães Underkarl, quinteto fundado em 1996 pelo contrabaixista Sebastian Gramss. O colectivo prepara-se para mostrar o que de mais actual se faz no contexto do Jazz, sintetizando as diversas linguagens e sonoridades deste género.

Pelo meio, há ainda para ver projectos aguardados como Weiss Wande da Áustria, que misturam a palavra com a música e o jovem Mikko Innanen da Finlândia acompanhado pelos Innvisitio. Um dos mais promissores músicos da cena finlandesa toca no dia 8 de Julho nos Jardins e depois no dia 9 no Hot Clube de Portugal, com dois sets especiais. O concerto do quarteto Kontrukt da Turquia será também um momento a não perder e que nos promete brindar com o que de melhor se faz no free jazz. No mesmo dia podemos ainda assistir ao concerto dos Cortex, vindos da Noruega e fundados pelo trompetista Thomas Johansson. O grupo pega no legado de mestres como Ornette Coleman e ultrapassa os limites do jazz, prometendo levar o público por sonoridades nunca antes exploradas.

PROGRAMA COMPLETO:

Rodrigo Amado Motion Trio + Rodrigo Pinheiro (Portugal)
1 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Weisse Wande (Austria)
2 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Umberto Petrin (Itália)
3 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Mikko Innanen & Inksvisitto (Finlândia)
8 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut
9 Julho, 22h30 e 00h00 – Hot Clube de Portugal

4S (Luxemburgo)
9 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Konstrukt (Turquia)
10 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Cortex (Noruega)
10 Julho, 20h30 – Jardins Goethe Institut
11 Julho, 21h30 – SMUP, Parede, Combat Jazz Series/Cleen Feed

Silo Trio Berthet Vonlanthen Sartorius (Suíça)
14 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Baloni (Bélgica)
15 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut
16 Julho, 21h30 – Salão Brazil/Jacc Coimbra
17 Julho, 21h30 – SMUP, Parede, Combat Jazz Series/Cleen Feed

Émile Pasrisien Quartet (França)
16 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut

Underkarl (Alemanha)
17 Julho, 19h – Jardins Goethe Institut
18 Julho, 22h30 e 00h30 – Hot Club de Portugal



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This