Andanças 2004

Na primeira semana de Agosto, realiza-se mais uma edição deste festival que o convida a dançar músicas de todo o mundo. Aceita esta dança?

Imaginem-se acampados na montanha durante uma semana, num ambiente natural magnifico, onde podem ficar a conhecer um pouco das culturas tradicionais mundiais, participando em dezenas de workshops, conferências e debates sobre danças, acabando o dia já de madrugada a “bailar” com os milhares de pessoas que comunham a mesma vontade de partilhar o momento. A vossa imaginação resume-se numa palavra: Andanças.

Já na nona edição, o Andanças está de regresso a São Pedro do Sul e promete uma semana cheia de actividades. O espirito é o mesmo de todos os anos: desenvolver uma cultura participativa de todos aqueles que visitam o festival, fazendo do público a principal atracção da festa. Para isso, são propostas centenas de actividades e concertos que têm na dança e culturas tradicionais os principais pontos de interesse.

As danças que são ensinadas e apresentadas durante a semana de duração do festival são muito variadas e provêm de todo o mundo. Podemos aprender a dançar como nos países do leste da Europa, como por exemplo a Bulgária ou Rússia, podemos aprender capoeira e danças tradicionais brasileiras, dançar aos ritmos mais característicos do continente africano, aprender sapateado e até mesmo ficar a conhecer as danças mais orientais e exóticas. Não vai ser por falta de sugestões que quem lá estiver vai ficar parado.

Mesmo que a dança não seja o seu forte (embora seja bastante importante para um festival tão característico), ainda tem muitos pontos de interesse na programação deste ano. Enquanto os outros aprendem a dançar, pode relaxar aprendendo Yoga ou Massagem Chinesa, assim como pode ficar a conhecer a arte dos Origamis ou até pode contruir um espantalho. São dezenas de actividades complementares que também passam pelo ensino de intrumentos (violino, Gaita de foles galega, Didgeridoo, Djembé), conferências, concertos e passeios pela floresta.

Depois de aprender a dançar durante o dia, o melhor mesmo é praticar à noite. Para isso a organização propõe dezenas de bailes de música de todo o mundo, provavelmente o prato forte do festival, onde a comunhão entre os participantes é total. O baile exprime todo o espírito do Andanças, onde a união e harmonia entre as pessoas é o principal objectivo. Começam a uma hora marcada e acabam quando a música parar (isto é, nunca).

O Andanças 2004 realiza-se em São Pedro do Sul entre os dias 1 e 7 de Agosto e promete ser a edição mais participativa de sempre. A programação é vasta e o interesse do público cada vez é maior.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This