Teatro


NÃO HÁ PANDEMIA QUE CORTE A RAÍZ AO FIAR

Esteve por um fio, mas naquilo que também pode ser entendido como uma celebração e homenagem à enorme capacidade de resistência da fundadora do FIAR, Dolores de Matos, o FIAR vai agitar Palmela no último fim de semana de julho. Instalações, animação e performances um pouco por todo o lado, ruas, largos, igrejas, cineteatro, incluindo paredes e fachadas dos edifícios.








“ENSEADA”

Um coprodução TNDM II e Centro Cultural Vila Flor com a interpretação de Élvio Camacho, Márcia Lança e Marta Félix, para ver na Sala Estúdio até dia 15 de Dezembro.



Pin It on Pinterest