BALLYTURK de Enda Walsh_fotografia Jorge Gonçalves (9) (FILEminimizer)

“BALLYTURK” de Enda Walsh

No Teatro da Politécnica de 27 de Março a 4 de Maio

Dois homens  num armazém. Mas onde? Quem são? Que quarto é este e o que poderá estar para além das paredes? Presos numa sala, passam o tempo imaginando que ainda estão numa aldeia irlandesa.

Enda Walsh é único, só ele sabe aliar o grotesco mais sórdido ao sublime, a tragédia à paródia, só ele pode gostar dos Karamazov e dos Três Estarolas, aliar a cerveja operária ao sonho da vida, só ele sabe encarcerar as personagens nos seus sonhos de poder, pesadelos horrivelmente cómicos, é um extraordinário escritor. É tão bom viver ao mesmo tempo que este rapaz (nasceu em 1967, que raio!) – e ele mostra-me tão bem estes tempos escuros que nos foi dado viver.”

Jorge Silva Melo

Fotografias de Jorge Gonçalves

Ballyturk é uma peça de Enda Walsh que afirma, o autor, deveria “ultrapassar o intelecto e ir directamente aos ossos.” A peça foi estreada no Black Box Theater, em Galway, a 14 de Julho de 2014, numa co-produção entre a Landmark Productions e o Galway International Arts Festival. E, posteriormente, no Olympia Theatre, em Dublin, na Cork Opera House e no National Theatre, em Londres. Foi o vencedor do prémio de melhor produção no Irish Times Theatre Awards 2015. Em 2017, a peça foi reposta no Abbey Theatre e no início de 2018, no St. Ann’s Warehouse em Brooklyn, Nova York. Nesta reposição produzida pela Landmark Productions e Galways International Arts Festival – Tadhg Murphy interpretou 1, Mikel Murfit manteve-se como 2 e Olwen Fouere interpretou 3.


BALLYTURK de Enda Walsh Tradução Nuno Ventura Barbosa Com Américo Silva, António Simão, Pedro Carraca e as meninas Matilde Penedo, Melissa Matos e Beatriz Mendes Vozes de Jorge Silva Melo, Inês Pereira, Isabel Muñoz Cardoso, Pedro Baptista Cenografia Rita Lopes Alves e José Manuel Reis Figurinos Rita Lopes Alves Luz Pedro Domingos Som André Pires Efeitos Especiais Rui Alves Coreografia Gonçalo Egito Assistência Inês Pereira Encenação Jorge Silva Melo M14

No Teatro da Politécnica de 27 Março a 4 Maio

3ª e 4ª às 19h00 | 5ª e 6ª às 21h00 | Sáb. às 16h00 e às 21h00





Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This