Barbarella

Barbarella

Um espaço dedicado aos penteados.

Foi ali mesmo no Largo da Trindade que pelas mãos de Antony Millard e Sónia Millard nasceu, há cerca de um mês, um espaço muito especial: um cabeleireiro para meninas, onde os meninos podem esperar entretidos, e onde as tesouras não entram. Tesouras não entram? É verdade, leram bem. Aqui, a magia da transformação acontece através da mudança de penteado.

Foi na passada terça-feira que a Rua de Baixo foi extremamente bem recebida no novíssimo cabeleireiro Barbarella. O desafio proposto foi abandonar-me nas mãos da talentosa Maisie e deixá-la fazer o que quisesse dos meus cabelos. As minhas mãos estiveram ao cuidado de Diogo, que as tratou com muito cuidado e delicadeza.

Confesso que foi a primeira vez que disse “podes fazer o que quiseres” a uma cabeleireira. Afinal aqui a transformação pode ser radical, mas não é definitiva. No Barbarella tudo é possível. Tudo depende do mood. Ondulado, liso, com volume, com tranças ou com poupa, aqui a escolha é vossa.

Barbarella

Para mim, a Maisie escolheu do menu o Cool Bardot. Fiquei logo entusiasmada porque era o penteado que tinha mais curiosidade de experimentar. Como tinha o cabelo lavado, tive direito a um serviço “Boyfriend is waiting” , sem namorado à espera. Na verdade, o conceito da Barbarella estende-se também ao sexo masculino. Enquanto as meninas se embelezam para uma saída, um evento ou um jantar, os namorados podem aproveitar para beber um copo de vinho e sentarem-se à sua espera.

Barbarella

A mudança de visual durou cerca de vinte minutos, e foi ver a magia acontecer. A Maisie transformou a minha juba de leoa volumosa secada ao ar livre, numa bela cabeleira penteada aos anos setenta. O Diogo pôs as minhas mãos com toque de veludo e coloriu as minhas unhas num tom rosa fluorescente da marca Essie (ao todo, esta marca norte-americana tem cerca de trezentos tons). Fui mimada como uma princesa, mimos esses que vão de encontro ao ambiente encantado do Barbarella. Espelhos ovais com molduras brancas românticas testemunham as mudanças de visual, padrões tigrados forram as paredes, lustres elegantes iluminam o salão, e um banco corrido forrado com motivos florais recebe os namorados pacientes e as clientes expectantes.

Barbarella

O Barbarella, nome inspirado no famoso filme de 1968, faz jus ao cabelo esvoaçante de Jane Fonda. Como a Sónia nos confessou: “queríamos voltar à inspiração dos anos 70, em que a maior parte das trabalhadoras ou donas de casa arranjavam e lavavam o cabelo no cabeleireiro, um hábito que se perdeu. Barbarella e Jane Fonda são o exemplo perfeito.”

O conceito é inédito em Portugal e oferece serviço de lavagem, secagem do cabelo com brushing de escova e penteado, manicura e maquilhagem.

Como não poderia deixar de ser, o Barbarella vai actualizar o seu menu de penteados consoante as tendências da moda e de inspiração em personagens de Cinema.

Para o Verão vai ter um “Especial Festival Looks” com penteados mais Hippie Chic. Esperam-se ofertas festivaleiras: poupas, cores garridas (que saem após lavagem), tranças; o rock ‘n’ roll vai chegar até às pontas dos vossos cabelos!

Barbarella

Como a Sónia nos disse, “se a Barbarella fosse uma mulher, seria jovem, cosmopolita, bonita, preocupada com a imagem e essencialmente sonhadora.”

Mas como as imagens valem mais do que mil palavras. A fotógrafa Debora Ribeiro acompanhou-me nesta aventura e fez o relato fotográfico da mudança de visual.

Morada: Largo da Trindade, nº 15, 1200 Lisboa
Tel.: (+351) 218 471 787
Horário: segunda a quinta das 10:30 às 20:30, sexta e sábado das 10:30 às 22:30
Preços: brushing – entre os 14 e 18€, manicura – entre os 8€ e 14€.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This