Conhecer realmente “I Am Easy to Find”

É no dia 12 de Dezembro, no Campo Pequeno em Lisboa, e já está esgotado. Vai ser o regresso a uma sala onde os The National foram felizes no dia 24 Maio de 2011. Nessa altura estavam a promover “High Violet” mas o concerto acabou por assumir contornos muito próprios ao contar com uma canção do álbum homónimo e 3 de “Sad Songs for Dirty Lovers”. É que à data já era possível encarar isso como uma raridade.

Agora vai ser diferente. Os norte-americanos estão diferentes e mais do que isso, “I Am Easy to Find” é realmente um álbum diferente. Um álbum onde Matt Berninger partilha deliberadamente o protagonismo com vozes femininas, ao mesmo tempo que conhecemos uma faceta totalmente nova da banda. Mas musicalmente também há diferenças. Sim, continuamos a ter aquelas canções que só os Dessner, os Devendorf e os Berninger (e a Desser) da vida nos conseguem oferecer (escutai «Rylan» ou a simplicidade desarmante de «Light Years»). Mas depois há objectos belos, estranhos e sedutores como «The Pull of You», «Not in Kansas» ou «Hairpin Turns», para referir apenas três.

É certo que já tivemos a oportunidade de escutar algumas destas canções em Agosto, durante o Paredes de Coura. Mas num contexto de Festival nunca é tão bom como em nome próprio. Nunca ficamos nem satisfeitos, nem devidamente saciados. Ainda para mais se sentirmos que algumas coisas podiam ter corrido melhor.

Agora haverão menos restrições, haverá mais tempo, terão a máquina mais oleada (a tour Euopeia arranca hoje, 2 de Dezembro em Colónia) e, não menos importante, houve tempo para as canções crescerem e ganharem raízes dentro de cada um de nós.

Perto do concerto tratem de ver (ou rever) a curta metragem, com o mesmo nome, da autoria de Mike Mills, e que conta com uma fantástica prestação de Alicia Vikander. Façam-no porque vos deixará mesmo no ponto certo, para depois entrarem no Campo Pequeno. Se tiverem cerca de 27 minutos do vosso tempo, podem até fazê-lo já de seguida. [Play]

Aguardamos ansiosamente, como se da primeira vez ser tratasse.

Promotor: Everything Is New

A foto é da autoria de Graham MacIndoe. Há muitas mais aqui e aqui que podem e devem ser descobertas.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This