Converse

Chuck Taylors All star.

A Converse nasceu em 1908 quando Marquis Mills Converse abriu a primeira fábrica de sapatos de Inverno, para criar botas fortes que combatessem o frio.

Após 11 anos, a Converse lança o seu primeiro par de ténis a que chamou Converse All Star, um sapato de borracha desenhado a pensar no basketball. Em 1923 Chuck Taylor, um dos melhores jogadores do basquetebol do mundo, decide assinar a gama da Converse e os All Star  passam a chamar-se Chuck Taylors All Star. Chuck Taylor é ainda hoje um dos maiores ícones mundiais do basketball.

Todos os basquetebolistas profissionais da altura usavam Chuck Taylors All Star, pois eram sem dúvida os melhores ténis para o desporto. Feitos na sua maioria de borracha, eram extremamente maleáveis e versáteis.

Em 1942, a Converse é obrigada a afastar-se do desporto e a juntar-se às forças militares para sobreviver à crise. Criou uma gama de botas chamadas as A6 Flying Boots, que eram usadas por toda a força aérea Americana. Passada a crise em 1957, Dr. J, um dos revolucionários e influenciadores do basquetebol dos tempos modernos, usa os Converse Allstar e admite que com apenas 7 anos pediu à mãe 3 dólares para comprar o seu primeiro par de Chuck Taylors All Star.

Os Chuck Taylors All Star saíram dos campos de basquetebol, começaram a tornar-se uma moda e abriu-se um mercado gigante em volta dos mesmos, oferecendo variadas cores para delícia de todos os fãs. A febre All Star foi sem dúvida das maiores febres do nosso planeta a nível de calçado. Perto do ano 2002 foram contabilizados cerca de 750.000.000 pares de All Star vendidos em mais de 123 países.

A maioria das pessoas deixou de acreditar nos ténis Chuck Taylors All Star e relembravam-nos como uma moda parva da adolescência. Não podiam estar mais enganados. Passados mais de 90 anos, os All Star começam a povoar de novo as montras das maiores lojas de moda. O ar retro e as boas memórias dos All Star voltam, não aos campos de basquetebol, mas sim aos campos urbanos, mais conhecidos como cidades.

A Converse tem neste momento mais de 28 modelos clássicos e cerca de 130 modelos especiais no mercado. Nos modelos especiais podemos ver All Stars de pêlo e com padrões tigrados, todos aqueles padrões que não imaginávamos há 10 anos ver nuns All Star. Pode-se dizer que o design mantém-se essencialmente igual ao design utilizado em 1911, mas os padrões têm vindo a evoluir.

Algo que não podemos deixar de referir é que, se estás interessado em comprar uns All Star, deves passar pelo website da Converse, pois existem inúmeros modelos Chuck Taylors All Star “Web Exclusive”, ou seja, ténis com padrões exclusivos que são apenas vendidos exclusivamente no site.

Fotografia por Converse



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This