DRJohn_header

Dr.John | “Locked Down”

Uma lenda de Nova Orleães, revitalizada por Dan Auerbach

Dr.John nunca foi uma personagem principal na longa história da música Pop, mas será sem dúvida uma das personagens secundárias mais fascinantes – um bocadinho tipo Tom Bombadil, para explicar ao leitor mais geek.

Listemos então alguns dos seus aparecimentos mais icónicos: o clássico “Gris Gris” (1969), um álbum de psicadelismo voodoo profundo posteriormente samplado por UNKLE e Unanimous Decision; o pequeno sucesso “Such A Night”, balada agradável que se ouviu nas rádios AM dos anos 70; a fase de session musician, auxiliando em muito o disco cocaínado dessa década; o visual excêntrico que serviu de modelo para Dr.Teeth, o líder da banda dos Marretas; em 2000, a participação na banda sonora do fracasso “Blues Brothers 2000”, com uma excelente versão de «Season Of The Witch» do Donovan; e, depois do Katrina, algumas entrevistas carregadas de fúria e palavrões, o velho ancião de Nova Orleães a disparar tiro após tiro certeiro contra a administração Bush.

Dr.John continua furioso em “Locked Down”, o seu novo disco, produzido por Dan Auerbach dos Black Keys, um perito em oferecer frescura a sonoridades vintage. A maioria das letras tem cariz político, e mesmo naquelas em que isso não é imediatamente aparente notam-se os subtextos. Por exemplo nestas estrofes da canção de amor «Getaway»: “tried to break us/all we did was bend”.

Quanto à música, é cheia de caos, ritmo e furor, com um ambiente alcoolizado de últimos momentos de parada Mardi Gras. Há espaço para coros e secções de sopro a evocar o melhor R&B da crescent city; existe também lugar para solos de guitarra bem rockeiros. O groove mais irresistível encontra-se em «Ice Age»; «Eleggua», por sua vez, aposta numa flauta que parece saída de um clássico Funk dos anos 70.

Há momentos em que o disco torna-se quase demasiado acessível: fazia falta um jam hipnótico daqueles que fizeram a fama inicial do bom doutor. Mas mesmo assim, “Locked Down” é a banda sonora ideal para aquele barbecue planeado para quando finalmente fizer bom tempo – ou para o tempo de espera enquanto se saca o último episódio do “Tremé”.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This