fifa19

FIFA 19

Futebol para todos.

Já chegou às lojas a mais recente edição do mais importante e jogado título de futebol do planeta. A edição 2019 do FIFA prossegue a receita vencedora dos últimos anos adicionando mais alguns modos divertidos e efetuando algumas alterações ao motor de jogo que já se encontra numa fase de maturação bastante considerável. O FIFA é como o iPhone. Todos os anos é lançado o melhor alguma vez feito. Mas o que é possível esperar deste novo FIFA? Será que vale a pena a compra para um jogador casual?

Durante a última década o FIFA transformou-se. Todos os anos foram adicionados mais modos de jogo que permitem usufruir do FIFA de diversas formas. Na edição 2019 a opção de jogo rápido ganhou novas opções entre as quais destacamos como mais divertidas “Sem Regras” e  “Sobrevivência”. No primeiro modo é possível controlar craques como Cristiano Ronaldo, Neymar ou Ibrahimovic em partidas de 90 minutos em que não existem cartões nem foras de jogo e pode fazer faltas brutais ou marcar golos que, num jogo normal, seriam imediatamente anulados. No modo de sobrevivência, por sua vez, os futebolistas vão sendo eliminados, um por um, à medida que o adversário vai marcando golos. Vence quem eliminar mais rapidamente os jogadores do oponente.

Um regresso já bastante antecipado é a possibilidade de jogar a Liga dos Campeões e a Liga Europa. A forma como o ambiente destas competições é recriado é fantástico e adiciona ainda mais um novo modo ao pacote já bastante recheado de conteúdo. Finalmente após anos e anos de rumor a liga da China, CSL está presente e, 100% licenciada.

As grandes novidades de jogabilidade são três: Toque Ativo, Táticas Dinâmicas e Finalizações Calibradas. O primeiro diz respeito a como os jogadores recebem a bola, com as mais variadas partes do corpo (peito, coxa, calcanhar, etc), criando oportunidades perigosas de golo. A segunda, facilita a troca de estratégias ofensivas e defensivas ao toque de apenas um botão. O remate, por sua vez, possui a principal alteração com a barra que mede a precisão e que requer um segundo toque no botão. A opção pode ser desabilitada, mas é bom testar: a tendência é que a EA adicione cada vez mais botões para privilegiar jogadores mais veteranos.

Para esses jogadores mais veteranos o FIFA 19 é sinónimo de Ultimate Team. Para quem não sabe, Ultimate Team é um modo de jogo que permite a construção de um plantel com jogadores de diversos clubes. Como uma caderneta de cromos, os jogadores vão abrindo pacotes e comprando/vendendo jogadores de modo a criar a equipa perfeita que terá que ter em consideração um conjunto de caracteristicas que vão desde o correto posicionamento do jogadores dentro da tática definida até ao país/clube/liga de origem de cada um para que seja possível gerar a maior “quiica” possível. Dentro deste modo de jogo existem diversas formas de progressão que vão desde o cumprimento de um conjunto de objetivos diários/semanais, a desafios de contrução de plantéis, a jogos contra o AI e a mais importante competição multiplayer no FIFA, a Fut Champions, onde jogam os melhores do mundo.

Em relação à edição anterior de destacar a mais simples e intuitiva forma de personalizar as táticas e um novo modo de jogo, Division Rivals, que oferece uma experiência totalmente renovada em FIFA Ultimate Team e substitui as Temporadas Online. Os jogadores poderão descobrir a sua posição na Comunidade de FUT, enfrentando outros jogadores da mesma divisão, com o objetivo de conseguir recompensas semanais.

O que também já se  tornou um clássico é a fantástica banda sonora. Sou do tempo que a “Song 2” dos Blur abria o FIFA 98. Na versão 2019 os convocados primam pela diversidade e podemos encontrar nomes como Childish Gambino, Gorillaz, Death Cab For Cutie, Crystal Fighters ou Courtney Barnett. A envolvência do estádio e os adeptos continua a ser aprimorada e é possível perceber alguns dos cânticos mais populares dos principais clubes europeus. Infelizmente não existem ainda comentários em português mas para ser honesto essa é uma daquelas features que se desliga logo depois dos primeiros jogos.

O FIFA 19 consegue cumprir na perfeição o seu objetivos. Muitos e divertidos modos de jogo que vão agradar ao jogador casual que pretende apenas jogar uma partida com os amigos. Opções de carreira cada vez mais aprimoradas e uma vertente competitiva consolidada direccionada para os fãs mais acérrimos. Mas nem tudo são rosas em FIFA 19. Para além dos problemas de latência em algumas partidas competitivas a forma como estão implementadas as micro(macro)-transações dão uma GRANDE vantagem competitiva. O valor dos melhores jogadores e os caminhos “in-game” para os obter são barreiras muito dificieis de transpor mesmo para quem joga com muita frequência (7 dias por semana cerca de 2 horas por dia).

O FIFA 19 está disponível em todas as plataformas (PS3, PS4, Xbox360, Xbox One, Nintendo Switch e PC) existindo também aplicações para iOS e Android para gestão da equipa em qualquer lugar.

Este poderá bem ser a última edição do FIFA em formato “fisico”. A possível existência de um serviço de subscrição é já falado à bastante tempo. Essa realidade poderá fazer todo o sentido para quem joga Ultimate Team mas os jogadores mais casuais poderão ficar a perder. Só o tempo nos dirá qual a decisão da EA. Para já este é um FIFA para todos e o melhor simulador de futebol de todos os tempos.

Nº DA RUA:
9/10



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This