Fitas de baixo para cima

"Um mundo perfeito"

Em 1993, Clint Eastwood surpreendia o mundo cinematográfico com uma obra simples, intensa e, acima de tudo, intemporal.

O grande mérito de “Um Mundo Perfeito” consiste na sua dimensão agridoce, conferindo à história um interessante lema: nem tudo o que é bom é bom e nem tudo o que é mau é totalmente mau.

A acção decorre em 1963, no Texas, em vésperas de uma visita presidencial de John Fitzgerald Kennedy, envolvendo dois fugitivos de uma prisão, uma criança raptada e um Xerife, com a sua entourage, na perseguição à dupla de foragidos.

O criminoso em fuga, Butch Haynes (Kevin Costner), torna-se um pai para a criança que rapta, Philip (T.J.Lowther). Esse será, de resto, o motor central de uma narrativa que ultrapassa claramente a sua dimensão policial.

O xerife Red Garnett (Clint Eastwood) procura resolver um caso que está a incomodar o Governador do Texas, perturbando a vida política do estado.

O falhanço da relação paterna é um elo comum entre foragido e raptado e é também aquilo que os aproxima: Philip é o filho que Butch quis ser e Butch é o pai que Philip sempre quis ter.

A criminologista, Sally Gerber (Laura Dern), constitui com Garnett o lado mais equilibrado da equipa de perseguição a Butch Haynes.

O ranger, herdeiro da figura clássica dos xerifes, tem um profundo conhecimento dos antecedentes familiares de Butch e, por isso, procura levar a caça ao homem de uma forma que minimize os danos.

A cena final de “Um Mundo Perfeito” é bem reveladora da impossibilidade de alcançar o tão desejado paraíso. Nem Butch se conseguirá reeencontrar com o seu pai, nem Philip ficará novamente tão perto de uma figura paternal “comme il faut”.

Clint Eastwood coloca imensas ambiguidades morais no seu filme, lançando com isso várias questões: como é que um homem mau se torna tão mau ? porque é que ele se porta como tal ? e, finalmente, a partir de que ponto é que ele é um caso perdido ?.

“Um Mundo Perfeito” é uma história multigeracional, baseada na descoberta de experiências inesquecíveis, onde a busca da perfeição conduz a um paraíso perdido.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This