rdb_fsthandwear_header

FST Handwear

Uma bofetada de luva estampada.

Todos sabemos da importância dos acessórios e como estes podem dar um twist a qualquer outfit mais básico. Agora com o Outono/Inverno à porta, as luvas tornam-se um acessório essencial. Geralmente são um objecto um pouco desapreciado, quase que esquecido. Procuramos sempre umas luvas que nos aqueçam as mãos e não nos preocupamos com mais nada.

A FST Handwear vem-nos provar que mais do que nunca as luvas estão na berra. E precisamente porque são um objecto que poucas pessoas dão importância, nasce esta marca de luvas com cores e estampados que marcam a diferença em qualquer ocasião.

Nascida em Grenoble, a capital histórica do luxo e da inovação, a FST Handwear passou por diferentes estágios de evolução, inventando e modernizando o conceito de luva comum.

Assim juntaram-se 2 criadores pioneiros: Benjamin Cuier e Philippe Larguèz e criaram a FST Handwear. Estes visionários procuravam desesperadamente um meio de expressão gráfico único, que não tivesse equivalente em mais nenhum lugar do mundo e principalmente que fosse regional. Nasce assim a FST Handwear para dar uma “bofetada de luva estampada” no mundo tradicional das luvas de lã e de cores básicas.

A sua base em Grenoble, dá-lhes um cunho quase familiar e regional. Todos os materiais e impressões são feitos em França o que lhes permite trabalhar com fornecedores locais e empresas da região, mantendo uma boa qualidade, controlo de ética e condições de trabalho – “no made in China”, como a maioria das luvas.

Para nos definirem um pouco o seu conceito e a forma como se diferenciam no mercado, explicam-nos que as luvas são uma forma de expressão artística tal como qualquer outra. Desde já  há algumas décadas, as t-shirts e os ténis, o são como meios de importantes de diferenciação pessoal. Hoje as luvas são o novo acessório que funcionam como meio de distinção.

A FST Handwear é a primeira marca a usar a luva como um meio de auto-expressão. Hoje, marcas americanas, japonesas e mais de 100 lojas em França e um pouco por toda a Europa vêm procurar em Grenoble este novo meio de expressão artística que não se encontra em mais nenhum sitio no mundo.

Mas a inovação não termina aqui, para além de um conceito diferente e dos grafismos trendy, usam materiais naturais como o Coolmax e todas as impressões usam tinta com base de água sem solventes – umas luvas amigas do ambiente.

A partir da primeira colecção Outono/Inverno 2008/09, a irreverência da FST Handwear com suas cores berrantes e estampados, prometeu causar imediatamente sensação. Apresentaram 10 modelos com uma base gráfica muito potente.

À parte de lançarem as suas colecções, participam e organizam exposições com outros artistas para promover a marca.

Na sua nova colecção de 2009/10 (ainda não disponível no site), a FST Handwear vai multiplicar as suas  colaborações artísticas e aumentar a oferta para 26 modelos misturando fibras naturais como o bambu e claro muitos elementos gráficos. A colecção Outono / Inverno 2009,10 será oferecido em mais de 170 lojas na França, Europa (Suíça, Mónaco, Luxemburgo, Portugal, Croácia e Itália) e Japão.

Se neste Inverno quiseres deitar fora as tuas luvitas lã e trocá-las por umas com mais personalidade tens duas opções ou vais a Coimbra à loja Miyuki, ou podes comprá-las online. Boas compras.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This