header

Galochas i love

Ilovegalochas!

Em muitos países, mas sobretudo no Reino Unido, as galochas ou Wellies, como são carinhosamente tratadas, são uma verdadeira sensação. A explosão de criatividade colocada numas simples galochas deixa-nos deslumbrados. Mas a história das galochas, também conhecidas por botas de borracha, botas de chuva, Wellington boots ou por wellies, começou há muito tempo atrás.

Arthur Wellesley, Duque de Wellington, instruiu o seu sapateiro, Hoby de St. James’s Street, Londres, para modificar uma bota Hessian do século XVIII. O resultado foi uma bota fabricada em couro de bezerro mole. Foi removida a guarnição e cortada para se ajustar de forma mais estreita ao redor da perna. Os saltos foram cortados baixos, cerca de 2,5 cm. Foi usada e popularizada pelo Duque. Tornou-se um estilo elegante porfiado pela aristocracia britânica do início do século XIX. Baptizadas desde então de Wellington’s, ou Wellies.

Por cá, chamamos-lhe Galocha ou bota de borracha. Em 1852, Hiram Hutchinson conheceu Charles Goodyear que tinha acabado de inventar o processo de vulcanização da borracha natural. Enquanto a Goodyear decidiu fabricar pneus, Hutchinson comprou a patente para a fabricação de calçado e estabelecu a Aigle, em 1853.

Tradicionalmente faziam parte do guarda-roupa dos bombeiros, dos agricultores e funcionários da limpeza. No entanto, hoje, desfilam pelas principais passerelles de moda e nos pés de muitas famosas.

Ilovegalochas pretende redescobrir as velhas galochas, mas de uma forma contemporânea, urbana, que deixe para trás a imagem de objecto de trabalho e protecção e se assuma definitivamente como uma peça de vestuário, um acessório de moda fashion, versátil e útil. Para isso disponibilizam uma criteriosa selecção de modelos a um preço acessível.

As humildes botas de borracha da nossa infância foram reinventadas com coragem e brilhantismo. Divertidas, relembram os prazeres simples da vida: brincar na chuva, sentir o cheiro a terra molhada, passear o cão, receber flores, reencontrar um velho livro…

Celebra a vida foi a frase que encarnou essa ideia.

Onde andas com as tuas galochas? É o desafio que fazem a si mesmos e aos clientes e amigos da ilovegalochas.

Celebra os bons momentos.

Celebra os prazeres simples.

Celebra a vida!



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This