rdb_indie1326

IndieLisboa 2013 – Destaques – 26 de Abril

Como era ser geek nos anos 80

Ao início da tarde sexta-feira, destacamos Pincus (16h15, na sala 3 do Cinema São Jorge), um filme de David Fenster sobre a vida de Pincus Finster, o eterno adolescente que vive dividido entre ter de ser adulto e cuidar do pai, doente de Parkinson, e não querer lidar com as responsabilidades que vêm com a idade. Na secção Director’s Cut, o destaque de sexta vai para Everyone is Older Than I Am, de Martin Widerberg, um filme familiar que percorre três gerações de artistas que reflectiram sobre o trabalho de cada um. Um meta-filme de encontro entre pais e filhos através do mundo da arte, a ver às 16h45 na sala 1 do Cinema City Classic Alvalade.

A sessão Observatório Curtas 2 de hoje reúne um conjunto de sete filmes que exploram diversas formas de cinema e onde será possível ver Sakda, a curta metragem do tailandês Apichatpong Weerasethakul, que em 2010 venceu a Palma de Ouro do Festival de Cannes com o filme Uncle Boonmee Who Can Recall His Past Lives (18h45, Cinema São Jorge, sala 3). Computer Chess, o mais recente filme de Andrew Bujalski, é uma verdadeira comédia indie geek sobre um torneio de fim-de-semana de programadores de software de jogos de xadrez. Transportando-nos para os anos 80, este grupo de génios mostra os primórdios do desenvolvimento da inteligência artificial, a ver às 21h30 na sala 3 do Cinema São Jorge.

No último dia das LisbonTalks, reservamos o debate para o filme português de maior sucesso em 2012, Tabu, de Miguel Gomes. Os vários convidados procurarão, através do filme, descobrir os novos terrítórios que se abriram para o cinema português. O Efeito Tabu – Desafios para o Futuro no e do Cinema Português, às 18h30 na sala Montepio do Cinema São Jorge. Depois da exibição do filme A Batalha de Tabatô, de João Viana, na Competição Internacional de Longas Metragens (19h15, Cinema City Classic Alvalade, sala 3), a noite continua com os ritmos quentes de África. Os Super Camarimba trazem as koras e os balafons para uma festa no Ritz Clube, com os sons de Tabatô, a mítica aldeia de músicos no centro da Guiné-Bissau. Para quem prefere o soul, à meia-noite na sala 3 do Cinema São Jorge, pode ficar a conhecer a comovente história de Charles Bradley, no filme dePoull Brien, a fechar a programação do dia.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This