Jazz no Valado

Em Valado de Frades entra em palco o melhor jazz falado em português em mais uma edição deste festival.

O Jazz no Valado está de volta este ano. Entre 6 e 15 de Maio (de 9 a 13 não há concertos, fica o aviso), em Valado de Frades, entra em palco o melhor jazz falado em português, como se tem vindo a verificar nos já 6 anos do festival.

No Clube Valadense, clube de jazz por alguns dias, irão passar nomes como Paula Oliveira e João Paulo Silva, os primeiros a actuar, Mário Laginha, Pedro Moreira, Carlos Martins, Alexandre Frazão, André Sousa Machado, André Fernandes entre muitos outros. A festa, que conta já com diversos apoios, como o do Ministério da Cultura, é organizada pela Biblioteca da zona, pela mão do maestro Adelino Mota.

A projecção mediática do festival não existe mas, apesar de tudo, tem vindo a crescer e a ganhar consistência de ano para ano. A programação tem bastantes atractivos, e estão previstos o lançamento do livro ‘Uma Estória de Jazz em Valado dos Frades’, pelo jornalista Mário Galego, assim como a gravação de um CD ao vivo do trabalho do Pedro Moreira Quinteto, actuando juntamente com um quarteto de cordas (em que constam uma viola, dois violinos e um violoncelo), combinação bastante rara na linguagem jazzística.

Para quem achava que a programação de 2002 e 2003 seria difícil de bater, enganou-se. Estiveram nessa altura presentes os Filactera, Jacinta, Quarteto de Yuri Daniel, TGB ou Quinteto de André Fernandes, destacando apenas alguns. Quanto à programação para este ano, como já foi dito, o certame abre com Paula Oliveira e João Paulo Silva no dia 6, no seu projecto a dois que combina a música popular portuguesa com a linguagem do jazz. É apresentado o mais recente trabalho “Quase então”, com diversos originais à mistura. Neste dia é também lançado o livro de Mário Galego, inédito em Portugal e que conta a história do Festival numa aldeia que se tornou vila.

No dia 7, Carlos Martins Quinteto, com o próprio no saxofone, Nuno Ferreira na guitarra eléctrica, João Paulo Esteves da Silva no piano, Nelson Cascais no contrabaixo e Bruno Pedroso na bateria é um dos pontos altos do festival.

Dia 8, sábado, Mário Laginha e o seu novo trio são incontornáveis. É uma estreia nacional, mais uma surpresa neste festival por si surpreendente. Com Bernardo Moreira no contrabaixo e Alexandre Frazão na bateria.

Na quinta-feira seguinte, dia 13, são retomados os concertos com Pedro Moreira Quinteto e a sua mistura inconformista, que irá ficar registada num CD ‘live in Valado de Frades’. Pedro Moreira no saxofone, João Moreira no trompete, André Fernandes na guitarra, André Sousa Machado na bateria e os músicos do quarteto de cordas, ainda a anunciar. Mais uma surpresa?

No penúltimo dia (14), a Multiphonic Pocket Orchestra com Mário Marques nos saxofones e samplers, João Moreira no trompete, melofone e afins, Ruben Santos no trombone, Sérgio Carolino na Tuba e Bruno Pedroso na bateria, é mais uma estreia. A combinação de instrumentos é original, não existindo instrumentos harmónicos. Esta “orquestra” tem o seu núcleo duro fundado em Alcobaça e Mário Marques, Ruben Santos e Sérgio Carolino já conhecem os cantos à casa, tendo participado nas edições de 1992 e 1999 com o projecto Dixieland.

No dia 15, a festa acaba com os Underpressure, um projecto de Pedro Madaleno (guitarra), com Lukas Frohlich no trompete, Miguel Amado no baixo e Vicky na bateria, fundindo tendências jazz, world music e rock, numa amálgama de texturas com uma vitalidade fora do normal.

Os bilhetes encontram-se à venda na papelaria ‘A Prenda’ em Valado, ou no próprio local do concerto. Custam entre 5 e 10 euros, havendo desconto para estudantes mediante apresentação do respectivo cartão. Os concertos, esses, começam às 22.30, é só entrar, encontrar uma mesa vaga e pedir uma bebida…

Entretanto, pode-se ir mais cedo e explorar a feira de cds, dvds e livros com a colaboração da Trem Azul. Os grandes espantam-se muitas vezes com os pequenos. Na aldeia que se tornou vila, nasceu um pequeno clube de jazz que espanta.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This