Jeffrey Lewis

Um dos talentos escondidos de Nova Iorque vai estar em Portugal para dois concertos.

Um dos mais importantes trunfos da editora inglesa Rough Trade vai estar pela primeira vez em Portugal para duas actuações. No dia 4 de Fevereiro pisa o palco da Galeria Zé dos Bois em Lisboa para dois dias depois apresentar a sua música no Aniki Bóbó no Porto.

Jeffrey Lewis cresceu em Lower East Side de Nova Iorque e é, desde muito pequeno, um fanático de banda desenhada. Toda uma vida de leitura, mas também de produção de livros de banda desenhada ganhou novo ânimo quando Lewis começou a compor canções em 1997, seguindo-se a gravação das primeiras cassetes caseiras, em 1998, que eram vendidas, embaladas em pequenos álbuns de banda desenhada, nos concertos quinzenais que Lewis realizava no clube nova-iorquino Sidewalk.

Quando os Moldy Peaches, companheiros de Lewis nas noites do Sidewalk, assinaram contrato com a Rough Trade em 2000, fizeram questão de recomendar Lewis à editora britânica; como resultado, a Rough Trade editou até à data dois álbums de Jeffrey Lewis.

Segundo o próprio Lewis, o seu reportório varia do “lo-fi folk” ao “sci-fi punk”, sendo que os seus concertos também incorporam ocasionalmente “vídeos de baixo orçamento”, ou seja, grandes álbuns de banda desenhada exibidos em palco como acompanhamento das suas canções.

Este é um evento Bor Land em colaboração com a Soopa, Aniki-bóbó e Zdb.

Aqui fica o plano de concertos da responsabilidade da editora independente:

Puget Sound
28 Jan. Auditório GAT (Caldas da Rainha) 22h
29 Jan. Antigo Orfeão (Leiria) 22h30 + Lemur

Ölga
05 Fev. Casa das Artes (Famalicão) 23h30

Norton
12 Fev. Santiago Alquimista (Lisboa) 22h30 + Dead Tree Valley + Factor Activo
26 Fev. Cine Teatro (Covilhã) 22h + Dead Tree Valley + Musgo



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This