rdb_artigo_kylecooper

Kyle Cooper & Prologue Films

Ou como as sequências introdutórias da sétima arte voltaram a ser relevantes.

À primeira leitura, o nome Kyle Cooper pode não dizer muito para a maioria dos leitores. Mas os mais atentos seguidores dos Óscares, por exemplo, terão reparado no fantástico trabalho visual feito na última cerimónia. A cada nomeação ou a cada discurso feito pelos galadoardos, fantásticos efeitos apareciam na nossa caixinha mágica. Pois bem, ainda que não anunciado, aí estava o trabalho feito pela empresa Prologue Films e Kyle Cooper, o nome grande por detrás dela, desde a 76ª edição dos Óscares.

Kyle é um designer de sequências de motion pictures e o seu nome começou a ser falado após o lançamento do filme “se7en”. Desde aí, não tem parado. Responsável pela realização de mais de 150 sequências, é o fundador de duas importantes empresas de design cinematográfico, a Imaginary Forces e a Prologue Films, colectivo de artistas, designers e realizadores de cinema que interagem em busca de um resultado final digno de registo. Anteriormente, trabalhou nas empresas R/Greenberg Associates NY e R/Greenberg Associates LA. Vencedor de um M.F.A. em Design Gráfico pela Yale School of Art, onde estudou independentemente com Paul Rand, é membro da Alliance Graphique Internationale e tem o título honorário de Royal Designer for Industry da Royal Society of Arts em Londres.

Em entrevistas dadas ao longo da sua carreira, afirma que a grande razão que o levou a seguir esta vertente profissional foi a sequência de entrada do filme “To Kill a Mockingbird”, feita por Stephen Frankfurt, em 1962. É amiúde comparado com Saul Bass, que substituiu no filme “Goodfellas” de Martin Scorcese. Esquivando-nos a uma extensa lista de todo o seu trabalho, deixamos ainda a título de exemplo os filmes “Spider-Man” (que recebeu uma ovação em pé aquando a sua estreia), “Dawn of the Dead”, “The New World” ou “The Curious Case of Benjamin Button”. Fora do cinema, destaque maior para os jogos “Metal Gear Solid 2: Sons of Liberty” ou “Metal Gear Solid 3: Snake Eater” e inúmeros anúncios publicitários da sua autoria, como as campanhas da Hewlett Packard, Apple ou American Express. Mas a sua grande especialidade são as sequências cinematográficas, que são quase filmes dentro de filmes.

Como referido anteriormente, o filme “se7en” foi o grande impulsionador do seu trabalho. Em entrevista dada ao site thunderchunky.co.uk, Kyle afirmou que esse trabalho surgiu numa altura em que “todos os planetas estavam alinhados” e coincidiu com o “início da democratização dos motion graphics”, além de que todas as pessoas certas se juntaram para tornar esse projecto possível.

Qualquer apaixonado por design ou criatividade em geral ficará maravilhado com o filme “Kyle Cooper Demo Reel”, que pode ser encontrado no YouTube. O filme contém todo o trabalho feito por Kyle Cooper e a equipa multidisciplinar da Prologue Films num ano e, ao final, apenas um pensamento nos ocorre; será possível tanta criatividade ter saído de uma só empresa em apenas 12 meses?

Esta e outras questões têm resposta na próxima edição da OFFF, onde Kyle fará uma apresentação da sua empresa e o seu trabalho, dando depois espaço ao debate.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This