Lambchop arrancam digressão europeia no Curtas Vila do Conde

A banda norte-americana Lambchop vai marcar presença no Curtas Vila do Conde em julho, numa edição com uma grande aposta musical que contará também com atuações de You Can’t Win Charlie Brown, Frankie Chavez, Garcia da Selva com Norberto Lobo e Bruno Pernadas.

Os norte-americanos Lambchop vão atuar em julho no Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema num filme-concerto que marca o arranque da tour europeia da banda. O grupo liderado por Kurt Wagner sobe ao palco no último dia do Festival, a 12 de julho às 22:00 no Teatro Municipal de Vila do Conde, numa das raras atuações dos Lambchop em solo nacional.

A banda natural de Nashville, conhecida pelo seu som country-rock alternativo e tom melancólico, vai musicar ao vivo um filme de Bill Morrison produzido pela Curtas Metragens CRL. Utilizando a sua técnica de remontagem de material de arquivo, Morrison faz uma viagem pelo cinema mudo português, entre os anos 10 e 30 do século XX, aproveitando o abundante arquivo da Cinemateca Portuguesa, numa surpreendente obra do cineasta que será apresentada em estreia mundial.

Na segunda parte do espetáculo, os fãs dos Lambchop terão a oportunidade de ouvir alguns dos temas da banda. Com mais de duas décadas de carreira e 11 álbuns de estúdio, os Lambchop destacam-se internacionalmente por desafiarem as convenções numa mistura de ritmos e experiências que resultam em apresentações únicas e de rara beleza.

Os bilhetes custam entre 12 e 18 euros e serão colocados à venda na próxima semana na Bilheteira Online e no Teatro Municipal de Vila do Conde.

O concerto dos Lambchop está integrado na secção Stereo do Curtas Vila do Conde, apoiada pela FNAC, onde, através de filmes-concerto, bandas são convidadas a musicar ao vivo filmes numa fusão entre o cinema e a música. Para esta 23ª edição do Festival estão confirmados vários espetáculos que vão juntar diferentes estilos através de artistas como You Can’t Win Charlie Brown, Frankie Chavez, Garcia da Selva (com Norberto Lobo como convidado) e Bruno Pernadas.

Os portugueses You Can’t Win Charlie Brown vão musicar um filme mudo de 1914, “Maudite soit la guerre”, realizado por Alfred Machin. O filme, uma cópia singular pintada à mão, conta a história incrível da rivalidade da guerra e de um amor impossível. Frankie Chavez continuará o passeio pela história do cinema musicando “The Good Bad Man”, de Allan Dwan, de 1916. A obra, protagonizada por Douglas Fairbanks, percorre a história do Oeste americano e conta com a participação técnica de D.W. Griffith. Por sua vez, Bruno Pernadas atuará sobre um filme clássico de Buster Keaton, “Steamboat Bill, Jr.”, de 1928. Estes três espetáculos são também uma homenagem do Curtas à história da sétima arte.

Garcia da Selva, juntamente com Norberto Lobo, fará uma interpretação de uma seleção de excertos fílmicos denominada “Framed by a Second”, construída a partir de material não utilizado de autores como Cláudia Varejão, Gabriel Abrantes, João Nicolau, João Onofre, Julião Sarmento, Miguel Soares, Natcho Xeca, Salomé Lamas, Sandro Aguilar e André Trindade.

Ainda neste contexto, destaque para a Competição de Vídeos Musicais, centrada agora na produção portuguesa, que atribuirá o prémio FNAC de Melhor Vídeo Musical no valor de 750 euros. Procurando sempre acompanhar a evolução dos géneros e a forma de fazer cinema, o Curtas Vila do Conde tem vindo a integrar na sua programação sessões de vídeos musicais de alguns dos artistas nacionais que mais se destacam nesta área.

Na sua 23ª edição, o Curtas Vila do Conde continuará a apresentar o melhor do cinema contemporâneo através de sessões especiais a anunciar brevemente. As diversas competições continuarão a proporcionar as sessões mais diversificadas do Festival, demonstrando o estado atual do mundo através da curta-metragem.

O Curtas Vila do Conde decorre entre 4 e 12 de julho no Teatro Municipal de Vila do Conde. O free pass para o Festival pode ser adquirido por 33,75 euros até 31 de maio, passando a custar 40, 50 euros depois dessa data. Durante o Festival o preço sobe para 45 euros. Este passe geral garante um desconto de 50% na compra de bilhetes para o concerto dos Lambchop, permitindo o acesso livre a todas as restantes sessões e filmes-concerto do Curtas Vila do Conde.

O Curtas Vila do Conde tem o apoio da Câmara Municipal de Vila do Conde, da Secretaria de Estado da Cultura, do Instituto do Cinema e Audiovisual, do programa Creative Europe e de vários parceiros imprescindíveis à realização do Festival.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This