Livro de Elogios

Livro de Elogios

Elogiar é preciso e faz bem à saúde

Parece-nos comum entrar numa loja e ver o aviso “neste estabelecimento há livro de reclamações”. Nem estranhamos. Mas quando a seu lado existe um aviso, cor de laranja, a anunciar a existência de um Livro de Elogios… perdão? Como assim? Um Livro de Elogios?

A Rua de Baixo esteve à conversa com a Cristina Leal, responsável por esta elogiosa ideia.

Como surgiu a ideia de criar um livro de elogios?

Na verdade a ideia foi surgindo ao longo da minha vida. Cada vez que queria reconhecer o que de melhor encontrava e não tinha um ‘sítio’ para o fazer, dizia a mim mesma que um dia criaria um Livro de Elogios e assim foi.

Cristina, que balanço pode fazer até agora?   

É um balanço muito, muito positivo!!! Já aderiram muitas entidades públicas e privadas. Pelos feedbacks que vou tento, é claro para mim a importância e impacto que  o Livro de Elogios está a ter em Portugal.    

Considera que o povo português precisa de ser estimulado e educado para o elogio – para dar e receber? 

Mais de que educado, acredito que deve ser estimulado e levado a despertar dentro de si a vontade de reconhecer o que de melhor existe.

Recorda-se da 1ª vez que sentiu necessidade de pedir um livro de elogios – ainda a ideia não existia?

Foram muitas as vezes, mas talvez tenha sido na Segurança Social em 1992 após o nascimento da minha filha!

O Livro de Elogios tem o seu próprio Livro de Elogios? 

Claro! e repleto de ELOGIOS!!!   

Pessoalmente, qual foi o elogio que deu e que mais a marcou? 

 “ A sua forma de estar na Vida é uma inspiração para mim, quando for grande quero ser assim! “

                                 

O Livro de Elogios está disponível para empresas – e particulares. Sim, também pode ter um Livro em sua casa, para receber os elogios de quem o visita. Pelas palavras da Cristina, a adesão das pessoas tem sido muito natural, por se identificarem com esta ideia, no momento em que a encontram. Num primeiro momento, todas as entidades que têm livro de reclamações, reconhecem a necessidade de ter um Livro de Elogios, por se sentirem muito alinhadas com o propósito.  

Ao comprar um Livro está a contribuir para a Fundação do Gil – o que prova que o elogio também pode ser um acto solidário.

Já elogiou hoje?



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This