L’Origine by Chakall

L’Origine by Chakall

Chakall abre L'Origine em Lisboa com Roberto Mezzapelle, fazendo jus às origens italianas de ambos

Chakall e Roberto Mezzapelle têm em comum a sua criação em torno de uma cozinha com fortes influências italianas. Se a infância de Mezapelle terá sido passada numa cozinha siciliana, já a de Chakall numa argentina, contudo a sua família teria vindo de Itália, pelo que essa influência sempre se fez sentir.

Encontraram-se um dia na Alemanha, numa das muitas viagens de Chakall pelo mundo e logo descobriram que tinham em comum a mesma paixão pela gastronomia, pelas suas raízes italianas, o gosto pelo que é simples e a partilha à mesa, o que rapidamente deu origem a uma forte amizade, que os fez juntar-se em Lisboa.

O mais recente resultado desse feliz encontro é L’Origine, o novo restaurante italiano dos dois, no qual fazem jus às suas origens.

L’Origine trata-se de um restaurante no Parque das Nações, junto à Torre Vasco da Gama, de dois andares, onde o forno a lenha, produzido de forma artesanal desde 1959, tem o seu grande destaque. Num espaço completamente virado para o rio, em que as grandes janelas quase que me fariam atrever a dizer que permitem fazer transbordar os olhos do Chakall até ao infinito, fossem elas viradas para o mar, sendo rio a cor não é exactamente a mesma, ainda assim a sensação de tranquilidade assemelha-se.

A carta faz-se de bruchettes, focaccias, carpaccios, burratas, massas, saladas, mas o enfoque vai para as pizzas sem sombra de dúvidas, pizzas cuja massa é deixada a maturar de 32 a 72 horas com todo o amor e ainda permite diversas opções de massa aos seus clientes, o que de facto o torna especial entre os demais. Apresenta originalidades como a massa preta de carvão vegetal, a de 7 cereais ou a de beterraba e gengibre. Para além disto, é também possível escolher opções de massa sem glúten, pois estes dois não esqueceram ninguém e pretendem assegurar-se de que a limitação de uns não os faça arredar de uma ótima experiência no L’Origine.

L’Origine é um restaurante inclusivo, pensado para todos, e para quem não se sente tão bem em espaços fechados também tem ao seu dispor uma agradável e ampla esplanada, com mesas largas que possibilitam grandes momentos de partilha em torno da mesa, também o ideal para tomar um copo entre amigos ao final da tarde, depois do trabalho.

Os vinhos italianos constituem uma boa hipótese para os apreciadores, mas o que me dizem dum LimonTejo Tónico? A mim convenceu-me por completo, assim como o charme e empatia do Roberto, fiquei rendida!



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This