Lucas Belvaux – A trilogia

Um projecto ambicioso nas nossas salas de cinema.

É já no dia 5 de Fevereiro que irão estrear três filmes distintos do mesmo realizador e que em conjunto formam uma Trilogia. O Realizador (e actor) é o belga Lucas Belvaux e os filmes são “Em Fuga”, “Um casal encantador” e “Depois da Vida” que totalizam 5 horas de projecção.

Como em qualquer trilogia, os filmes estão interligados entre si, mas numa qualquer trilogia, o actor principal da primeira película não se transforma em actor secundário da segunda nem o género dos três filmes é completamente diferente. Neste caso tudo isso acontece. Belvaux pretende mostrar que em cinema cada cena é ditada pelo género do filme, tornando-a engraçada, empolgante ou triste. O objectivo destes filmes é relacionar três géneros – “thriller”, comédia e drama – tendo como objectivo a quebra das convenções de cada um deles.

Lucas Belvaux, nascido na Bélgica em 1961, é para a grande maioria das pessoas um ilustre desconhecido, mas hà vinte anos que se passeia pelas lides cinematográficas, da televisão e do teatro tendo realizado dois filmes antes de embarcar nesta ambiciosa trilogia.

Para perceber toda a trama que está intrínseca a estes três filmes, aqui ficam algumas linhas sobre cada um deles, na esperança que fiquem com curiosidade para assistirem aos três.

Um de três – “Em Fuga”

“Em Fuga” relata a história de Bruno, um fugitivo após 15 anos de cárcere, por pertencer ao braço armado de um grupo de extrema-esquerda. Apesar de manter os seus ideais intactos, descobre que tudo mudou durante o tempo em que esteve preso. Só e procurado pela polícia, vai formar uma aliança temporária com Agnés, uma toxicodependente em busca de um dealer. Assim, Bruno providencia a droga e Agnés providencia um esconderijo, a casa de Cécile.

Dois de três – “Um Casal Encantador”

“Um Casal Encantador” é uma comédia de mal-entendidos. Alain acredita que está gravemente doente, que a esposa tem um amante e que planeia roubar as suas patentes. Cécile desconfia que o marido a engana e contrata Pascal para descobrir o que Alain lhe esconde. Pascal apaixona-se por Cécile e está determinado a forjar provas de que o marido desta lhe trai com outra mulher. No entanto, nenhuma destas situações existe realmente, mas é tarde demais.

Três de três – “Depois da Vida”

“Depois da Vida” centra-se nos problemas do casal Pascal/Agnés. Ele é um polícia sem escrúpulos com um grande problema. A mulher que ama, Agnés, é viciada em morfina. Para suportar este vício, Pascal tem um acordo com a mafia local, liderada por um gangster chamado Jaquillat, que lhe pede para matar Bruno, um prisioneiro em fuga. Pascal recusa e o acordo é quebrado. Agnés é obrigada a procurar drogas por ela própria, mas todos os dealers sabem quem ela é e recusam qualquer tipo de negócio. A única solução é confiar num fugitivo da justiça chamado Bruno.

A ordem pela qual se deverá ver os três filmes fica ao critério de cada um, embora em França se tenha adoptado pelo esquema – 2,1,3 – enquanto que na Inglaterra estreou sobre a forma original – 1,2,3. Nenhum dos filmes pode ser considerado como sequela ou prequela do outro, deixando o espectador livre para decidir.

A acção dos três filmes ocorre no mesmo intervalo temporal e no mesmo espaço fisico. A forma como cada situação e cada diálogo é encarado em cada filme é completamente diferente, dependendo do ponto de vista da personagem que o interpreta, podendo suscitar situações de deja-vu ao espectador e tornar toda a experiência cinematográfica algo surreal e realmente excitante.

Se considerarmos cada filme como uma obra isolada, provavelmente seriam três filmes que nunca iriam ter grande visibilidade e seriam esquecidos como tantos outros no mundo cinematográfico. Se olharmos para a obra como um todo, estamos perante um marco na história do cinema moderno europeu e um acto de coragem de Lucas Belvaux que ficará registado na história do cinema nem que seja pelas potencialidades que o DVD veio criar na indústria cinematográfia mundial, prevendo-se para breve uma edição especial com os três filmes.

Altamente recomendado pela Rua de Baixo.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This