Mar Adentro

O controverso filme de Alejandro Amenábar estreia no próximo dia 24 em Portugal.

O filme “Mar Adentro” estreia a 24 de Fevereiro em Portugal. Trata-se da nova película de Alejandro Amenábar protagonizada por Javier Bardem.

“Mar Adentro” conta a história de Rámon Sampedro, um espanhol que lutou durante anos pelo reconhecimento nos tribunais do seu direito a morrer.

Aos 25 anos, Rámon Sampedro ficou tetraplégico depois de um acidente no mar. Desde essa altura decidiu morrer. Como não podia fazê-lo sozinho, queria o auxílio dos seus amigos ou familiares. O tribunal espanhol não lhe reconheceu esse direito, mas Rámon acabou por levar a cabo o seu plano. Morreu a 12 de Janeiro de 1998 com a ajuda de alguém que nunca foi descoberto.

Em 1996 foram publicados os seus textos no livro “Cartas do inferno”. Depois da sua morte, publicou-se o livro de poemas por ele escrito intitulado “Quando eu cair”. É aqui que Amenabár encontra elementos para fazer um filme.

Alejandro Amenabár nasceu no Chile em 1972. Quando tinha um ano emigrou para Espanha para fugir à ditadura de Pinochet. Nos anos 90 iniciou a sua carreira de realizador com três curtas-metragens “La cabeza”, “Himenóptero”e “La luna”. Recebeu sete prémios por “Tesis”, a sua primeira longa-metragem. Com “Abre tus ojos”, um thriller psicológico, começa a fama internacional. Depois surge “The Others” que ganha 8 prémios Goya, além de ter sido nomeado para melhor Filme pela Academia Europeia. Em 2004 Amenabár surpreende com “Mar adentro”.

Ramon Sampedro é interpretado por Javier Bardem. O actor nasceu nas Canárias em 1969 no seio de uma família de actores. Depois de uma incursão pelo mundo do rugby e do boxe, ingressa no cinema pela mão de Bigas Luna em “Jamón, Jamón”, “Huevos de oro” e “La teta y la luna”. Mas foi com “Perdita Durango” e “Carne trémula” que ficou conhecido internacionalmente. Depois de “Before night falls” de Julian Schnabel vieram as ofertas milionárias da indústria norte-americana. Em 2000 rodou com John Malkovich e já foi premiado com inúmeros galardões pelas suas prestações cinematográficas: desde prémios Goya até ao leão de ouro no Festival de Veneza.

Em “Mar Adentro”, Bardem não só teve de se sujeitar a uma maquilhagem muito pesada para que parecesse bastante mais velho, como teve de trabalhar durante 3 meses preso a uma cama.

O filme trata um tema muito polémico: a eutanásia. Amenabar toma uma posição e com isto pretende, certamente, fazer pensar. Ao decidir contar a história verídica de Ramon Sampedro, vem dar voz a alguém que lutou pelo direito de escolher a morte. A sua batalha foi jurídica, mas também social e religiosa.

“Mar Adentro” conta até à data com vários prémios. Já recebeu o leão de prata e o prémio de melhor actor no Festival de Veneza de 2004. Recebeu também os Prémios do Cinema Europeu para melhor realizador e melhor actor, além do Globo de Ouro para melhor filme estrangeiro. E está entre os nomeados para os Óscares de Hollywood. A não perder.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This