Matarroêses

A acompanhar as tendências musicais, surge uma compilação que junta as "estrelas" da editora Matarroa.

O fenómemo do Hip Hop cresce a olhos vistos em Portugal como no mundo inteiro. A acompanhar essa tendência, tornou-se comum ver aparecer novos artistas e editoras vocacionadas apenas para este tipo de som. Acompanhando esta tendência, surge a compilação Matarroêses da editora Matarroa.

Matarroêses é o título do terceiro disco da Matarroa, uma compilação onde se reúnem 17 temas de 11 projectos diferentes, de artistas e colaboradores da editora.

Com esta compilação pretendem mostrar algum do talento que poderá ser escutado em edições futuras. Estão incluídos temas de grupos com algum currículo dentro do Hip Hop nacional, bem como artistas desconhecidos do público.

Os projectos presentes em Matarroêses demonstram uma pluralidade de estilos e regiões de origem. Pode-se ouvir desde o som mais antigo de hip hop ao estilo livre, do Ragga aos ritmos africanos, passando pelo Hip Hop instrumental e o Drum ‘n Bass.

A Matarroa enquadra-se numa nova geração de editoras independentes. A aposta numa estratégia de diferenciação que se traduz em pormenores como as caixas dos cd’s (cada disco surge dentro de uma verdadeira obra de arte) e os eventos especiais de lançamento e promoção durante os quais é possível a aquisição dos discos a preços quase simbólicos é suportada por um enorme amor a uma causa e a um movimento pelos quais – e para os quais – se vive.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This