Matisyahu

O mais famoso judeu da história do reggae de visita a Portugal.

Um preto de cabeleira loira ou um branco de carapinha não é normal, dizia um famoso anúncio da nossa praça pública, na altura em que a televisão nacional estava limitada ao canal do estado. No entanto, o que não é mesmo nada normal é um judeu ortodoxo a cantar reggae. Mas como até já os porcos andam de bicicleta, não é de admirar que a nova sensação internacional do reggae se chame Matisyahu e seja um fiél judeu, com a respectiva batina preta, barba longa e duas trancinhas a pender do chapéu. Dia 22 de Junho, no Coliseu de Lisboa.

O nome é o equivalente hebraico do nome bíblico Matthew e refere-se ao legendário líder Mattathias, antigo rei de Israel. Matthew Paul Miller adoptou-o na escola hebraica, após a sua cerimónia de circuncisão, mas anos mais tarde acabou por descobrir que tinha havido um engano e que Matisyahu não era o equivalente hebraico do seu nome. Contudo, os rabis da sua escola aconselharam-no a manter o nome com o qual crescera.

Matisyahu Miller nasceu em 1979 no Brooklyn, em Nova Iorque, inserido na comunidade judaica de Chabad, uma das mais importantes facções ortodoxas. Desde muito cedo que Matisyahu cruzou o seu interesse pela Torah com o da música, especialmente o reggae de Bob Marley e o rock dos Phish, duas das suas influências confessas. E foi com o estilo de música popularizado por Bob Marley que Matisyahu encontrou o veículo perfeito para expressar a sua palavra, num estilo musical novo e original.

Assim, à mensagem judaica ortodoxa e aos ritmos quentes do reggae e do dub (pulvilhados pelas recentes influências do dancehall), Matisyahu juntou uma forte vertente rock, sublinhada pelos característicos solos de guitarra. Essa energia fê-lo sobressair desde logo na cena musical underground nova-iorquina, dando o salto para a ribalta em 2004, com uma aparição no mediático talkshow de Carson Daly, que o apresentou como a coisa mais excitante que aconteceu à música nos últimos anos.

Foi com uma versão ao vivo do tema «King Without A Crown» que Matisyahu preparou o assalto aos escaparates. Agora chegou o álbum “Youth”, sucessor do registo ao vivo “Live At Stubb’s”, que já atingiu os topos das listas discográficas um pouco por todo o Mundo. Portugal prepara-se para receber Matisyahu num concerto único, marcado para dia 22 de Junho, no Coliseu de Lisboa.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This