Novos nomes no OUT.FEST

Novos nomes no OUT.FEST

Acabam de ser conhecidos mais nomes para a edição de 2013 do OUT.FEST. Desta feita, juntam-se ao cartaz os Mohn, Rafael Toral, Mike Cooper & Steve Gunn, Joe Morris e Sirius.

O OUT.FEST 2013 acontece entre 8 e 12 de Outubro, no Barreiro e a organização promete o anúncio de novos nomes para breve.

Mohn
Mohn é o mais recente projecto dos ícones do techno minimal de Colónia Jörg Burger e Wolfgang Voigt, cúmplices criativos de longa data, e que editaram o álbum de estreia homónimo deste projecto no ano passado na Kompakt. A nova música do duo é um techno em câmara lentíssima, desacelerado, evocativa do aclamado projecto GAS de Voigt, mas claramente interpelando o cânone do ambient que ambos os estetas sonoros admiram e onde buscam inspiração, oferecendo claras pistas progressivas com vista a um renovado discurso.

Rafael Toral : Space Collective 2
Músico com trabalho incontornável no panorama mundial da música conceptualmente mais arrojada, Rafael Toral cria instrumentação electrónica à qual oferece uma técnica e um léxico, capaz de operar em circunstâncias de composição em tempo real com a liberdade e preocupações de densidade, timbre e fraseado do jazz. Daí resulta uma música futurista, que apresenta fascinantes possibilidades de afinação, dinâmica e métricas.

Apresentar-se-á em duo, com Ricardo Webbens, formação na qual ambos os músicos se ocuparão de instrumentação electrónica.

Mike Cooper & Steve Gunn
Ao longo dos últimos 40 anos, o britânico Mike Cooper tem sido um explorador musical internacional, evocando matéria de lenda. Inicialmente um guitarrista de blues (tocando com gigantes como Son House e Mississipi Fred McDowell) e cantautor folk, o seu trabalho diversificou-se pelos campos da música improvisada e da electrónica, cine-concertos para filmes mudos, radio art e instalações sonoras.

Steve Gunn, mestre contemporâneo da guitarra acústica (e eléctrica, como se tem visto ao acompanhar Kurt Vile na sua banda ao vivo) acaba de lançar o seu novíssimo ‘Time Off’ na Paradise of Bachelors, que tem tido uma reacção entusiástica por parte da imprensa especializada, e regressa ao OUT.FEST desta feita para uma apresentação em duo com um músico que muito admira e com quem planeia a gravação de um álbum em conjunto.

Joe Morris
Joe Morris nasceu em 1955, e é um dos mais importantes e vitais guitarristas de jazz vivos. Participou em mais de 70 gravações, muitas das quais têm sido nomeadas como Disco do Ano por diversas publicações como Village Voice, Chicago Tribune, Wire, Coda, e Jazziz. De entre os muitos músicos com quem trabalhou podem citar-se Anthony Braxton, William Parker, Matthew Shipp, Andrew Cyrille, Barre Phillips ou Ken Vandermark.

Sirius
Duo constituído pelo trompetista Yaw Tembe (músico da Suazilândia radicado em Lisboa) e pelo percussionista Monsieur Trinité (Francisco Trindade).

“A abordagem deste Sirius terrestre é feita de ecos e reminiscências, remetendo-nos para o Miles Davis eléctrico da década de 1970 e para o mais recente, e mais electrónico, Jon Hassell. Sobretudo, vem no rasto do psicadelismo norte-americano e da kosmische musik alemã, se bem que com uma mediação reconhecivelmente jazzística. É uma música de contrastes, quente e fria, orgânica e espacial, terrosa e feita da matéria dos sonhos. Simples, e até elementar, nos processos, mas complexa e subtil nas consequências. Uma surpresa muito bem-vinda no cenário das músicas criativas que por cá se fazem, furando a muralha de conformismo que ainda teima em tolher-nos os movimentos…” Rui Eduardo Paes



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This