rdb_deca_header

O Pequeno Palco de Lisboa sobe ao palco do Turim

É (h)ora D'Eça no Teatro Turim

O colectivo Pequeno Palco de Lisboa traz ao palco do Turim três contos do escritor Eça de Queiroz: “Singularidades de uma Rapariga Loira”, “O Tesouro” e “A Aia”. Com um cenário verdadeiramente criativo e construtivo, os actores Alexandra Rocha, Filomena Oliveira, João Canto, Pedro Bargado, Peter Michael e Suzana Farrajota divertem-nos ao sabor do “era uma vez”.

Os contos têm como ponto de partida as “Singularidades de uma Rapariga Loira” e o encontro de Eça com o “velho” Macário, que com ele partilha a sua história de (des)amor. É assim que se desenrolam os contos “O Tesouro” e “A Aia”, exigindo que os actores se desdobrem em várias personagens.

Esta peça estreou em Maio, na Sociedade de Instrução Guilherme Cossoul. Os textos, de Eça de Queiroz, foram adaptados por Rui Luís Brás – que assegura também a encenação – e José Mateus.

Pequeno Palco de Lisboa é um colectivo de actores que nasceu em 2003 e tem vindo a trabalhar por vários palcos (Comuna, Trindade, entre outros) tendo chegado agora a Benfica, ao Teatro Turim. Em Outubro passado levaram a cena a peça Marias ao Poder , com base em textos de Aristófanes.

“D’Eça” é uma peça para todos; aconselha-se sobretudo a quem quer conhecer os textos de Eça de Queiroz de uma forma divertida. Durante uma hora e pouco podemos olhar o mundo através dos olhos de Eça e assim reflectir sobre o papel do amor, da honestidade e da ganância na nossa vida (e na vida dos outros que nos rodeiam).

O espectáculo, para M/ 12, encontra-se em cena de 5ª a Sábado às 21h30 e no Domingo às 17h, até ao dia 18 de Novembro.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This