Oriental Art Beat

Spicy night no CCB.

Da Sherazade, à Mata Hari, as danças orientais sempre tiveram um encantamento muito especial. Mulheres meio despidas, envoltas em panos transparentes, com brilhos que só se encontram no Oriente. Só o traje prende a atenção. Se lhe juntarmos os movimentos sensuais e misteriosos desta dança, o resultado só pode ser inquietante.

É esta inquietação que o CCB nos propõe para dia 24 de Junho. De regresso ao Gande Auditório, estão Jillina e Sharon Kihara, dois nomes que dispensam apresentações na área da Dança Oriental.

Jillina é uma das mais célebres bailarinas norte-americanas e coreógrafa das Bellydance Superstars. Conhecida pela sua sentida interpretação da música árabe e pelo seu característico estilo coreográfico, vai de um o expressivo baladi à força de um drum solo, numa partilha total com o seu público.

Jillina, regressa agora a Portugal na companhia de Sharon Kihara, nome de referência da Dança de Fusão Tribal.

Ambas partilham o palco com a Dilshadance – Companhia de Danças Orientais – num espectáculo de ritmos, movimentos e sedução, só possíveis de encontrar na mais feminina e sensual de todas as danças.

A partir do Grande Auditório do Centro Cultural de Belém, o moderno e o tradicional vão andar de mão dada. Ritmos ancestrais e contemporâneos que certamente conquistarão Lisboa.

Para satisfazer aquele eterno fetiche…



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This