Popular Soundclash

A terceira edição do evento realiza-se já a 12 de Junho, em Lisboa.

É já no próximo dia 12 de Junho que se realiza a terceira edição do Popular Soundclash, promovido pelo núcleo nacional da Red Bull Music Academy. Entre as 16 horas e as 2 da manhã, Lisboa oferece uma alternativa às festividades de Santo António no miradouro de Santa Catarina ao Adamastor, em Lisboa.

É com base no multiculturalismo que Lisboa possui que este evento se realiza. Iniciado em 2004 com a construção do primeiro soundsystem português, que foi produzido em doze dias e apresentado ao público numa tarde com uma Master Class, este certame mantém-se activo através de uma verdadeira celebração de rua. Aqui, pretende-se dar voz a uma geração de artistas ligados à música urbana, à stree&video artes e à expressão plástica.

Quem se deslocar até ao miradouro de Santa Catarina, vai ter a oportunidade de ver, de borla, alguns dos mais dignos representantes do hip-hop nacional, como Chullage, Nel’Assassin, Cheeks, Cruzfader, Tekilla, Stick up, Kalaf, Kronic e Kacetado, bem como a fusão entre hip-hop e funk pelas mãos dos Loop Diggerz.

Explorando as latitudes de África – através de Morna, Coladera, Batuku, Semba, Afro-Beat ou Gumbé – e da música brasileira estarão Mike Stellar, Cónego de Braga, Lucky e João Gomes (Cool Hipnoise/Space Boys).

Os dj’s Nuno Forte e Dinis, do colectivo Pressure Force, e Scooby Duo, Al:x e Riot, asseguram as actuações de drum’n’bass e jungle, enquanto que o reggae se representa através de Selecta Lexo, Riddim Culture e o Firestarter Crew. O  Dubstep  será interpretado pelo DJ Conspira, enquanto que os portugueses Buraka Som Sistema fazem uma apresentação do seu Nu-Kuduro: uma fusão entre sonoridades de Kuduro e Favela Funk, estruturas de Drum’n’Bass ou sampling de hip-hop. Quem dá vida a este projecto inovador é Lil’John (1 UIK Project/Enchufada), Riot (CoolTrain Crew) e Condutor (Conjunto Ngonguenha) contando com a participação de Kalaf. No Popular Soundclash III este projecto terá ainda como convidada a vocalista Petty e oito bailarinas.

Como o certame não se alimenta apenas de música, há ainda intervenções de street art e video art a cargo de Visual-basicq & Co.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This