Micaela_Oliveira_1814679

PortugalFashion | Porto | Dia 2

O dia começou com os desfiles de antigas presenças no Bloom. David Catalán com a coleção On MY honor, volta às origens onde busca inspiração no escutismo com uma mistura entre volumes em camisolas e casacos, com detalhes como patches e torcidos nas malhas.

Ines_Torcato_1813718 Ines_Torcato_1813797 Ines_Torcato_1813801

Inês Torcato com Self-Portrait (touch) com uma coleção feminina e masculina que desconstrói as linhas clássicas. Usa as fazendas com padrões clássicos em peças com linhas desformalizadas. Algumas das peças com mensagens estampadas resultam da colaboração com Regina Guimarães (escritora e letrista). A sua palete de cores, com preto, branco, cinza e beringela, é ultimada com duas peças finais com flores vermelhas, que se destacam das restantes.

Carla_Pontes_1813908 Carla_Pontes_1813936 Carla_Pontes_1813982 Carla_Pontes_1813996

Carla Pontes com a coleção Sound, procura na imagem uma forma de traduzir o som, mantendo o carácter da marca no uso de materiais e da contemporaneidade. Os seus looks minimalistas em tom preto e cinza, são acentuados pela utilização de pormenores em vermelhos, azuis e menta, numa leveza solta ou cintada.

Pé de Chumbo apresenta uma coleção onde transpõe para o seu característico trabalhar das malhas, o tartan escocês e fios brilhantes misturados nas suas lãs. Esta simbiose mostra-se em peças para o dia-a-dia, assim como em longos vestidos de festa em azul, vermelho e prateado, combinando transparências e conforto.

Meam tem uma coleção de opostos, onde o tom base é o negro. As peças com brilho em veludos, popelines e lãs, estampados, resultam numa combinação para criar uma coleção com linhas e volumes simples, onde adicionam pormenores nas golas e detalhes com cores. A sua coleção citadina combina a tradição, nas botas clogs que as modelos calçavam.

Hugo Costa com o seus coordenados (A)Way of punk, são como uma metáfora para descrever uma coleção, onde um jovem adolescente redescobre as roupas e as personaliza com toque moderno e solto. Tecidos técnicos, fazendas em xadrez, misturam-se em peças andrógenas. Azuis, preto e rosas compõe as cores da estação.

Luis_Buchinho_1814484 Luis_Buchinho_1814492 Luis_Buchinho_1814493 Luis_Buchinho_1814499

Luís Buchinho e o seu inverno em versão Night Drive propõe vestir uma mulher sexy e fria num universo futurístico. O preto domina, mas a paleta de cores também é composta por azul, laranja e verde azeitona, e um estampado em pixels futuristas. Uma coleção com saias muito curtas, cinturas definidas e acolchoados. Os óculos escuros querem-se grandes e na paleta de cores da estação.

Micaela_Oliveira_1814681 Micaela_Oliveira_1814683 Micaela_Oliveira_1814687 Micaela_Oliveira_1814726 Micaela_Oliveira_1814863

Micaela Oliveira definiu como tema WOODLAND para recriar um imaginário para uma coleção romântica e sonhadora. A couture não se faz só de vestidos mas também de macacões, adornados com capas longas e esvoaçantes. O inverno tem uma cor pastel com adornos brilhantes, cortes ousados e transparências elegantes.

Miguel_Vieira_1815015 Miguel_Vieira_1815018 Miguel_Vieira_1815051

O dia terminou com a já conhecida elegância das coleções de Miguel Vieira. O preto, azul e verde azeitona recebem pormenores em dourado. Um jogo de texturas e sobreposições de materiais, como as peças em fazenda com estampados em flocado, os sapatos masculinos com tachas douradas e os sapatos femininos com pêlo.

Fotografias Oficiais Portugal Fashion.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This