Ginos_Home

Ginos

Autenticidade italiana para todos.

O primeiro Ginos abriu as suas portas em 1985 em Madrid numa época em que a comida italiana de qualidade estava disponível apenas num mercado exclusivo e luxuoso. Mais de 120 restaurantes depois, o dia 24 de Outubro de 2018 marcou o inicio de uma nova etapa para esta cadeia de restaurantes de sucesso. Pela primeira vez é inaugurado um Ginos fora de Espanha e Lisboa foi a cidade escolhida. A “fórmula” continua a ser a mesma: uma aposta nos produtos de qualidade importados diretamente de itália, pratos tradicionais com um twist de contemporaneadade, com um serviço de excelência e num ambiente rústico/fabril. Tudo isto a um preço acessível para todos os públicos. A Rua de Baixo a convite do Ginos esteve presente na apresentação do restaurante de Lisboa e tivemos oportunidade de conhecer o espaço, as pessoas e provar algumas das suas iguarias.

Localizado bastante perto à entrada/saída sul do Centro Comercial Vasco da Gama, na Alameda dos Oceanos (Parque das Nações), o Ginos pretende ser um espaço para todos os tipos de clientes, desde almoços descontraídos entre colegas de trabalho (numa zona onde existem muitas empresas) a jantares familiares com crianças. O design do espaço consegue ser moderno e elegante sem ser pretensioso e formal. O open concept com acesso visual aos fornos e trabalho dos cozinheiros e colaboradores permite criar um ambiente descontraído e familiar. Foram criados alguns espaços próprios no interior do Ginos como por exemplo mesas redondas e uma sala “privada” em vidro que poderá servir como local para um jantar/almoço de grupo.

Ginos_espaco_1

A nossa experiência gastronómica no Ginos arrancou com uma tábua rica em sabores italianos composta por: Pão focaccia, spianata, mozzarella di bufalla 100% D. O. Campana, piadina, tomate desidratado, azeitonas, rebentos frescos, manjericão e azeite extravirgem c/molho di Roma e Puttanesca (14,95 €). Esta é uma opção perfeita para partilhar entre 3 a 4 pessoas onde se destaca a frescura e sabor da mozzarella.
TAVOLA GINOS

TAVOLA GINOS

A segunda entrada que nos foi apresentada foi provavelmente a melhor supresa da nossa experiência no Ginos. Rodelas de courgete preparadas em tempura com parmesão ralado, acompanhados com o molho toscano (7,95 €), super estaladiças e que combinam na perfeição com o molho toscano. Uma entrada que pode muito bem servir de aperitivo a acompanhar uma cerveja.

LUNETTE DI ZUCCHINI

Em relação às pizzas o Ginos tem uma grande variedade por onde escolher (incluindo massa integral). Em relação à base da pizza existem aqueles que gostam de uma massa fina e estaladiça enquanto outros perferem uma massa mais macia e grossa. No Ginos pode encontrar um meio termo que não compromete.  Para além das clássicas existem “especialidades do Chef” bastante interessantes como é o caso da VERDURE COM FORMAGGIO DI CAPRA (Molho de tomate, mozzarella, courgete, beringela e pimento vermelho assado com tomate desidratado, queijo de cabra, manjericão fresco e molho prezzemolo – 12,95 €), onde a combinação da beringela e queijo de cabra é surpreendentemente deliciosa.

VERDURE COM FORMAGGIO DI CAPRA

VERDURE COM FORMAGGIO DI CAPRA

 

Como não podia deixar de ser, a carta do Ginos apresenta uma enorme variedade de Pastas. Das que tivémos oportunidade de experimentar destaco o FETTUCCINE PIRATA (com camarões e tomate, acompanhados com um suave molho picante. 11,95 €), uma proposta muito interessante para quem gosta de um pouco de picante. Como sobremesa e embora o Tiramisù seja o ex-libris do Ginos, destaco o “gluten free” CIOCCOLATISSIMO (Bolo de chocolate recheado com chocolate quente, acompanhado com gelado de baunilha e polvilhado com açúcar em pó. 5,95 €).

CIOCCOLATISSIMO

CIOCCOLATISSIMO

 

Uma das imagens de marca da cadeia de restaurante Ginos é a qualidade, simpatia e rapidez do serviço. Na nossa visita não conseguimos obviamente validar a rapidez do serviço mas sem dúvida que podem contar com um staff dedicado e simpático. O restaurante do Parque das Nações pretende ser o primeiro de muitos em Portugal, não estando de parte a possibilidade de surgirem também versões “light” em Centros Comerciais. A relação preço/qualidade coloca o Ginos numa posição bastante única no que diz respeito aos restaurantes italianos em Lisboa. Não sendo um restaurante de gama alta proporciona uma experiência relaxada e muito agradável tendo o cuidado em confeccionar os pratos com produtos importados diretamente de Itália. O sucesso é garantido.

 

 

 



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This