rdb_actromeujulieta_header

Romeu e Julieta

A eterna tragédia

Dez anos depois, a ACT volta à sua casa-mãe, o Teatro do Bairro, onde o sonho de criar uma nova geração de actores começou. “Romeu e Julieta”, de William Shakespeare, foi a peça escolhida para a apresentação dos finalistas de 2012.

António Pires, responsável pela encenação deste clássico shakespeariano, traz-nos uma versão fresca, jovial e com um toque de humor familiar à tragicomédia. O enredo é acompanhado por sons latino-americanos e por música composta pelo próprio encenador. Ao longo da história, vários pares de Romeus e Julietas desfilam nesta história intemporal em que o idílio amoroso é levado ao extremo.

“Há vários Romeus e Julietas e os actores representam diferentes papéis para que possam mostrar de uma forma mais diversificada aquilo que aprenderam”, comenta António Pires sobre a composição que fez do texto.

“Foi um grande desafio representar Romeu, uma história de amor e ódio ao mesmo tempo, um sentimento tão intenso vivido numa tenra idade”, fala Marc Xavier, um dos finalistas da turma de 2012 da ACT sobre a sua experiência de representar Romeu nesta peça.

Recomendamos que vejam esta peça e relembrem que o amor nunca estará fora de moda, pelo menos o de Romeu e Julieta.

Romeu e Julieta estreia dia 27 de Junho no Teatro do Bairro às 21:00 e estará em cena até dia 1 de Julho, Domingo, dia em que haverá duas sessões às 17:00 e às 21:00.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This