Spain | “Sargent Place”

Spain | “Sargent Place”

A alma do romantismo sussurrando ao nosso coração

Para alguns, o amor não é suficiente, para outros, o amor é tudo. Em que ficamos?

Escutámos o novo álbum dos norte-americanos Spain para tentar encontrar a resposta.

Os Spain, para quem não conhece, são de Los Angeles (e não de Espanha, entenda-se) e são peritos em escrever e criar músicas. Ponto. No passado mês de Fevereiro editaram mais um disco intitulado “Sargent Place”, o sétimo álbum da sua longa carreira e numa fase quando menos se esperava. O disco anterior, “The Soul Of Spain”, editado em 2012, demorou alguns anos a ver a luz do dia. A produção esteve ao cargo de Gus Seyffert que já trabalhou com The Black Keys e Beck, entre outros nomes ilustres.

Um dos grandes destaques vai para a canção «You and I». Uma música de letra simples, de melodia igualmente leve mas recheada de bonitos sentimentos. Josh Haden, filho do contrabaixista Charles Haden e líder do grupo, contou com a participação do seu pai neste tema, o que faz com que seja a segunda vez que pai e filho trabalham em conjunto. Se em “The Soul Of Spain”, «I Love You» é o hino supremo daquilo a que podemos designar uma bela declaração de amor, «You and I» complementa essa enorme riqueza.

«From The Dust» parece que foi criada para legendar um filme de cowboys com o seu estilo bluesy e Daniel Brummel, guitarrista do grupo, continua a desenhar efeitos de guitarra como ninguém, sobretudo em «The Fighter». Não pensem que as melodias são como pastilha elástica e são de coro melancólico. Muito pelo contrário. Encontramos alguma nostalgia, e, sobretudo, gratidão nas suas palavras; cada composição realizada pelos Spain é quase motivo de celebração. Continuam a manter o rigor, a perfeição temporal em cada compasso, sem desafinações, e a mostrar belas canções slowcore com um toque de jazz.

Em «Im My Soul» há uma introspeção e alguma espiritualidade e em «Love At First Sight» escutamos uma descrição emocional / racional perfeita do que é, realmente, o amor à primeira vista.

Para terminar, «Waking Song», marca a divisão entre o sonho e a realidade.

Os Spain estiveram em Lisboa e no Porto no passado mês de Novembro, visitas em que revisitaram alguns dos seus êxitos com base no álbum “Spain – The Morning Becomes Eclectic Session”, um disco gravado ao vivo no estúdio da famosa rádio californiana KCRW, e onde anteverão algumas das músicas editadas neste novo trabalho. É com muito amor que por cá os esperamos novamente! Há que retribuir com o coração cheio.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This