1

Super Mario Maker for Nintendo 3DS | Análise

30 anos de Super Mario onde e quando quisermos!

Depois do enorme sucesso de que foi alvo na Wii U, – tendo sido alvo de vários prémios em 2015 nas mais diversas categorias como “melhor jogo de plataformas”, “melhor jogo da Wii U” e até mesmo “melhor jogo de 2015” – no dia 2 de Dezembro, Super Mario Maker chega à família de consolas portáteis da Nintendo. “30 anos de Super Mario onde e quando quisermos” é a melhor forma de descrever Super Mario Maker para a Nintendo 3DS. Os fãs há muito que pediam e eis que finalmente podem criar os seus próprios níveis onde quer que estejam. Mas claro… Isto é apenas a ponta do Iceberg.

 

Aqui, uma vez mais, o lema é: Joga, Cria e Partilha! Se por acaso não puderam experimentar a versão da Wii U, que tal fazerem do modo Desafio Super Mario a vossa primeira paragem? Podem jogá-lo onde e quando quiserem, visto que não requer qualquer ligação à Internet. Estes níveis foram criados pela Nintendo, são cerca de 100 e estão divididos entre vários mundos. Cada mundo aborda de forma muito inteligente os vários elementos que podem estar presentes nos cenários (os quais teremos de aprender a usar ou contornar) ou até mesmo dinâmicas de jogabilidade que quando dominadas nos ajudarão a percorrer melhor e mais depressa os restantes níveis. Antes que tenhamos quaisquer dúvidas a simpática Mashiko e o carismático Yamamura surgem no ecrã prontos a explicar tudo o que precisamos de saber para continuarmos a avançar. Sempre que completamos um destes níveis, eles vão sendo desbloqueados na Robocópia (a fábrica de níveis do jogo), para que os possamos repetir, sempre que quisermos e no final de cada mundo serão desbloqueados novos elementos que poderão ser aplicados nos níveis que mais tarde irão criar.

Só que o modo Desafio Super Mario trouxe consigo uma pequena surpresa que é pena que não tenha sido implementada na versão da Wii U e que me deixou agarrado a este modo durante horas a fio. É que aqui, além do desafio que cada nível tem para oferecer, existem ainda mais dois objectivos que, quando cumpridos, nos recompensam com uma medalha. Eu sei que parece mas não é nada fácil o que só aumenta a longevidade deste modo. São duas medalhas por nível e se as conseguirmos recolher a todas iremos desbloquear ainda mais elementos para os nossos níveis.

A criação de níveis é evidentemente a cereja no topo do bolo que é Super Mario Maker. Toda a versatilidade que podemos encontrar na Wii U marca presença também nas portáteis da Nintendo, só que claro, agora podemos desfrutar desta componente onde quer que estejamos. As possibilidades continuam a ser infinitas e de regresso estão os seis temas presentes na Wii U bem como os quatro estilos de jogo. Estava com receio que o tamanho do ecrã da 3DS pudesse de alguma forma comprometer esta experiência, quando comparado com o do GamePad da Wii U mas tal não aconteceu. A experiência continua igualmente intuitiva mas se, ainda assim, se sentirem algo intimidados com este modo, podem uma vez mais contar com a dupla Mashiko e Yamamura. Ao vosso dispor estará uma série de “aulas”, ou tutoriais se preferirem, que vos ajudará a dominar a criação de níveis. Não tarda nada estarão a criar verdadeiros horrores, desculpem desafios para os vossos amigos superarem. Um Bowser com asas? Porque não dois? Aliás, porque não dois com um Bowser Jr. às costas? As possibilidades são, como disse, imensas. Por isso experimentem, brinquem e divirtam-se!

 

Quando por fim terminarem o vosso nível, porque não partilhá-lo e pôr a comunidade à prova? Podem fazê-lo recorrendo a uma ligação wireless mas também partilhar os vossos níveis directamente com outro jogador através do Street Pass. Aliás caso não se sintam inspirados, ainda com o Street Pass podem com outro amigo trabalhar em conjunto para acabar o vosso nível. Duas cabeças pensam melhor do que uma por isso imaginem bem os horrores… Lá estou eu com os “horrores”, quem ler isto até deve ficar a pensar que fiquei traumatizado com os níveis criados pela comunidade… Desafios, imaginem os desafios que podem criar em conjunto, assim é que é!

Criar níveis pode ser um processo cansativo e caso não tenhamos alguém por perto com quem partilhar a experiência, há que fazer uma pausa para reflectir ou até mesmo para procurar inspiração noutro lado. Nessa altura, porque não ver o que a comunidade de Super Mario Maker andou a tramar? Para isso basta ir ao modo Níveis Mundiais e é todo um mundo que se abre.

Os níveis aos quais teremos acesso foram desenvolvidos para a Wii U e nos Níveis Recomendados podemos simplesmente ver quais os que nos parecem interessantes e jogá-los. Mas se quisermos um pouco mais de desafio é no Desafio 100 Marios que o vamos encontrar. 100 Marios, traduzem-se em 100 vidas, ou seja 100 hipóteses de salvarmos a Princesa Peach que, surpresa das surpresas, foi raptada. Do mais fácil para o mais difícil, não existem níveis iguais e a repetição é coisa que não existe. Acham a experiência demasiado fácil? Então saibam que aqui nas portáteis da Nintendo os modos Extra e Super Extra – este a piscar o olho como quem diz: “Vá lá, são só seis níveis que tens de passar. Anda lá!” – já se encontram desbloqueados.

30 anos de Super Mario onde e quando quisermos! Este é o jogo ideal para os possuidores de uma 3DS que sejam fãs do género de plataformas e não tenham experimentado a versão original. Super Mario Maker for Nintendo 3DS traz tudo o que já pudemos desfrutar na Wii U só que, mesmo assim, a conveniente portabilidade bem como o facto de se fazer acompanhar por algumas novidades e funcionalidades fazem com que esta seja uma edição a ter em conta. Mesmo para quem já possui a versão da Wii U!



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This