Super Stereo Demo 05

Segunda edição do evento pluridisciplinar produzido pela editora Variz. Dia 9 e 10 de Setembro no Castelo de Linhares da Beira.

Super Stereo Demonstration é o nome de um disco de vinil editado nos anos 70 pela Philips. Tratava-se de uma demonstração exaustiva de efeitos Super Stereo e de dimensão “espectacular”, que poderia ser experimentada domesticamente através do “Hi-Fi”. Este conceito é agora transposto pela editora Variz para mostrar uma parte da imensa produção nacional no domínio da música electrónica, performance e video-art. O evento decorre nos dias 9 e 10 de Setembro no Castelo de Linhares da Beira.

Embora o principal objectivo da “mostra” seja divulgar a produção nacional, o sul-africano Alan Abrahams surge como convidado especial e irá estar presente com dois dos seus projectos. No primeiro dia, Abrahams surge “mascarado” de Portable, onde somos transportados para um novo universo do techno, repleto de influências que vão desde os quentes ritmos africanos à frieza alemã. Esta vai ser mais uma oportunidade para conhecer o mais recente disco de Portable, “Version”, editado pela influente editora alemã Scape. No dia seguinte, Abrahams regressa ao palco, desta vez transformado em Body Code, um projecto mais virado para a pista de dança.

No que diz respeito à “colheita” nacional, a programação está repleta de sugestões para todos os gostos. Existem projectos mais “conhecidos” como os Micro Audio Waves (dia 9) e Dead Combo (dia 10), outros que gozam de grande reconhecimento entre os mais atentos e entusiastas como é o caso de Kubik e Zentex (dia 9), Lolly and Brains e Tra$h Converters (dia 10) e ainda outros que são praticamente desconhecidos para a grande maioria do público.

Embora desconhecidos por muitos, alguns destes projectos têm currículos recheados de actuações, prémios e colaborações. No espectro mais experimental encontramos João Castro Pinto (dia 9) que já colaborou com o japonês Koji Asano e com o norte-americano Tom Hamilton e é o responsável pelo Hertzoscópio – Festival de Arte Experimental e Transdisciplinar que já conta com duas edições realizadas. No dia 10 actuam os Lumpen Trio, uma formação que se dedica à improvisação livre através de uma guitarra, um baixo e alguns samplers.

Na programação dedicada aos dj sets, destacamos o Ballet Mecânico (dia 9) e Manu (dia 10). A dupla composta por Nuno Bernardino e Jari Marjamaki (aka dj Yari/Zentex aka Ballet Mecânico) iniciou esta experiência através de um programa da Rádio Oxigénio em 2001 e, desde então, continua a apresentar sets enérgicos assentes no click house e no techno minimal. Manu é membro do grupo Sonic e habitual animador das noites do Op Art em Lisboa.

O evento realiza-se no interior do país, em Linhares da Beira, de forma a dar a conhecer este tipo de sonoridades a novos públicos, que têm um acesso muito dificultado às novas tendências da música electrónica. Esta é uma forma de promover os artistas locais e passar a mensagem.

Aqui fica a programação da 2ª edição do Super Stereo Demonstration:

Sexta-Feira, dia 9 de Setembro

live acts

Portable
Micro Áudio Waves
Zentex
Kubik
Producers + Hana Bi
João Castro Pinto
Canal 0

dj’s

Ballet Mecânico
Dub Vídeo Connection + Fadigaz
Single Again

Sábado, dia 10 de Setembro

live acts

Body Code
Dead Combo
Lolly and Brains
Acur
Tam
Lumpen Trio
Traumatics

dj’s

Manu
Tra$h Converters + Dona Sara
Milkshake

Nos dois dias

performance

Quarta Parede
Gustavo Sumpta
Margarida Mestre + Sound Asleep

soundtrack

Luís Andrade & João Louro

video clips

Migso



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This