Terrorismo

A peça dos Irmãos Presnyakov estará no Teatro Taborda de 8 de Janeiro a 15 de Fevereiro.

No mês de Janeiro estreia a peça Terrorismo dos irmãos Presnyakov no Teatro Taborda. Talvez aproveitando um tema sempre actual, estes dois irmãos decidiram criar uma peça onde recriam o que poderia ser um dia normal num aeroporto bem próximo. No entanto, afirmam os irmãos, a peça foi escrita antes do 11 de Setembro…

A peça começa com o encerramento de um aeroporto ao público por suspeita de um atentado bombista e deixa a audiência literalmente na expectativa. Na pista de aterragem foi encontrada uma mala. No parque de estacionamento do aeroporto, encontram-se três homens: um não tem bagagem…

Paralelamente a este cenário, numa casa uma mulher encontra-se com o seu amante e praticam aborrecidos (para eles) jogos sexuais enquanto comentam algo sobre os respectivos cônjuges. Num escritório uma mulher enforca-se porque o marido a trai. Surgem depois, num banco de jardim, duas velhotas que falam sobre a vida e a morte; vê-se um homem a passar a chorar. Num balneário, cinco polícias falam sobre uma explosão.

Chegando finalmente a cena do avião, três homens conversam: um deles chora. Nesta complexa estrutura, subtilmente, é contada uma história; esta peça desliza entre o terrorismo dos telejornais e o terrorismo que existe nas nossas próprias casas. Trata-se de uma comédia amarga e irónica que, astutamente, comenta a natureza da guerra contra o terrorismo que é praticada actualmente e que merece aqui destaque.

A tradução ficou a cargo de Nina Guerra e Filipe Guerra e a encenação é trabalho de Jorge Silva Melo assistido por João Meireles e Andreia Bento. No elenco conta com Paulo Moura Lopes, António Simão, Pedro Carraca, José Airosa, Joana Bárcia, Américo Silva, Isabel Muñoz Cardoso, Teresa Sobral, Carla Galvão, Andreia Bento, Pedro Marques, Nuno Melo, Glicínia Quartin e Isabel de Castro.

Fica aqui um pouco do que são os irmãos Presnyakov:

Os irmãos Oleg e Vladimir nasceram em Sverdlovsk, na Sibéria. Criaram um grupo de teatro na Universidade Estatal dos Urais Gorky, onde desenvolvem um trabalho experimental. Estiveram ambos ligados ao International Programme do Royal Court Theatre de Londres, que procura estimular a escrita teatral contemporânea.

A sua primeira peça, Terrorismo, estreou em Novembro de 2002, no Teatro de Arte de Moscovo e, no início deste ano, o Royal Court produziu o texto com grande sucesso, numa encenação de Ramim Gray. No Festival de Edimburgo, a companhia Told by na Idiot (em co-produção com o Royal Court) estreou a segunda peça dos Presnyakov, Playing the victim, no Traverse Theatre.



There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This