The New Pornographers Whiteout Conditions

THE NEW PORNOGRAPHERS | “WHITEOUT CONDITIONS”

Oh Canadá. O primo dos Estados Unidos que se porta bem nos almoços de família, mete a mesa, ajuda a levantar, pergunta se alguém quer água, mas que a julgar pelos The New Pornographers, assim que ninguém está a ver é o primeiro a cometer uma travessura qualquer. E isso parece ser quase certo depois deste “Whitheout Conditions”.

A superbanda, dadas as colaborações paralelas que os membros do grupo têm como Destroyer e The Evaporators, não é nova nesta coisa do rock. Estão no activo desde de 2000 e já tiveram quase tantos integrantes nestes 17 como o Chelsea teve treinadores, 9, acho eu no que diz respeito aos treinadores. É tudo para dizer que são muitos.

Este é o sétimo álbum da banda. O som é típico de um grupo pop rock com devaneios de indie e já assim o é há algum tempo. Continuam bem presentes o sintetizador e o keyboard que sonorizam o ambiente e deixam tudo pronto para que o baixo e a guitarra dêem o seu contributo com o auxílio da voz de Nora O’Connor.

Esteticamente é complexo e ainda tem aquele aroma a anos 90, a programa para toda família a passar na televisão, mas com toques de Bowie. Caio na desgraça de ser um pouco redundante e cliché se disser que está bem compilado e produzido, mas tenho de o ser. É animado, dá para dançar e serve como uma boa banda sonora para ir nos transportes públicos e fazer um tipo de viagem diferente. “Whitheout Conditions” já roda, é ir ouvir.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This