TRABALHO DE JOÃO CANIJO HOMENAGEADO EM BUENOS AIRES

O BAFICI – Festival de Cinema Independente de Buenos Aires, Argentina, de que no próximo dia 11 de Abril tem início a 14ª edição, e que é um dos mais prestigiados festivais de cinema independente não apenas da América latina, vai mostrar – a acompanhar SANGUE DO MEU SANGUE – uma RETROSPECTIVA INTEGRAL DA OBRA DE JOÃO CANIJO.

Exibido na sua versão longa (190’) “Sangue do Meu Sangue” é o pretexto para a exibição das seis longas metragens anteriores do realizador “Três Menos Eu”, “Filha da Mãe”, “Sapatos Pretos”, “Ganhar a Vida”, “Noite Escura” e “Mal Nascid”a, bem como dos documentários “Fantasia Lusitana” e “Trabalho de Actriz, Trabalho de Actor”.

No programa do BAFICI, Quim Casas escreve sobre “Sangue do Meu Sangue” “o último filme de João Canijo não é apenas um enorme melodrama; é o grande melodrama moderno do nosso tempo. Excessivo, naturalmente. Trepidante no emocional. E sobretudo com um tratamento formal em que o fora de campo é lei, a mobilidade da câmara é contagiosa (e necessária) e há planos antológicos”. E em relação a Trabalho de Actriz, Trabalho de Actor, que “a anos-luz de um making of convencional o filme regista minuciosamente métodos e processos criativos para iluminar o modo como os intérpretes compreendem e constroem as suas personagens (e, ao mesmo tempo, um cineasta compreende e constrói o seu filme”.

João Canijo acompanhará a apresentação dos filmes em Buenos Aires, estando presente em 17 das 20 sessões em que eles serão projectados (entre 12 e 19 de Abril).

Entretanto o filme SANGUE DO MEU SANGUE estará também nos próximos dias, e isto só no mês de Abril, a ser apresentado no Festival de Istambul (Turquia), na presença da actriz Rita Blanco; no Festival de Linz (Áustria), na presença da actriz Anabela Moreira; em Austin, Texas (EUA), em Barcelona e no Panamá. À lista de festivais de cinema para que o filme foi convidado veio nos últimos dias juntar-se o prestigiadíssimo Festival de Edimburgo (Grã-Bretanha). Recorde-se que em Junho será a vez de La Rochelle (França) mostrar “Sangue do Meu Sangue” e as três longas anteriores do realizador (Ganhar a Vida, Noite Escura e Mal Nascida), retrospectiva que em Outubro passará por Espanha (A Coruña, Santiago de Compostela e outras cidades).



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This