Young Fathers: Cocoa Sugar

Young Fathers | “Cocoa Sugar”

"Cocoa Sugar" é o nome do terceiro álbum do trio escocês Young Fathers acabado de lançar neste mês de março.

Depois dos álbuns “DEAD” (2014) logo premiado com o Mercury Pryze (galardão que distingue anualmente o melhor álbum do Reino Unido e Irlanda) e do “White Men Are Black Men Too” (2015) os Young Fathers regressam num registo mais sólido onde a sonoridade denota um maior compromisso em agradar a um público mais vasto.

Mais longe do experimental e mais perto do comercial?
Nem por isso! Apesar do álbum ser marcado pela existência de um senso de fluxo narrativo, não abandonou totalmente, e ainda bem, a complexidade dos sons e das letras que chegam mesmo a ser positivamente confusos. Quase bipolar consegue passar rapidamente de uma sonoridade melódica e mais fria para algo mais agitado e energético.

A receita para um álbum sólido e que com certeza vai agradar a um público mais ecléctico passa pelo recurso em doses q.b. de uma mistura de rap, gospel, tribal, club, R&B e pop sendo que nalgumas faixas é difícil distinguir onde começa um e acaba outro resultando numa paleta de sons extremamente apelativos.

«Lord» foi o tema escolhido para a apresentação deste terceiro álbum, e logo nesse momento já era possível vislumbrar que o novo álbum seria mais maduro, estimulante e seguro que os seus antecessores. Esta evolução não foi totalmente surpreendente já que o single «Only God Knows» lançado em 2017 especificamente para o filme Trainspotting T2 já o antevia, tendo inclusive recebido bastantes elogios do realizador do filme Danny Boyle.

Destaque ainda para a apelativa fotografia do álbum responsabilidade da fotógrafa Julia Noni e para a direcção criativa de Tom Hingston.

Cocoa Sugar já está disponível em CD, LP e através de todos os serviços digitais.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This