NOVO DOCUMENTÁRIO DE JOÃO CANIJO NO INDIELISBOA

“Trabalho de Actriz, Trabalho de Actor”, o novo documentário de João Canijo, produzido pela Midas Filmes, terá a sua estreia absoluta no IndieLisboa’11 (na secção Director’s Cut) depois de o trabalho anterior do realizador ter sido filme de abertura do festival do ano passado. Entre Setembro de 2008 e Abril de 2010, os actores da próxima longa-metragem de João Canijo, Sangue do Meu Sangue, trabalharam com o realizador na criação dos personagens e do argumento desse filme, que viria a ser rodado no Verão de 2010. Esse processo de mais de 20 semanas de trabalho, de criação, discussão, escrita e reescrita, e ensaios sucessivos, foi sendo registado e, depois de servir como instrumento de trabalho para esse filme, constitui também o esqueleto deste documentário: Trabalho de Actriz, Trabalho de Actor. Ao longo de hora e meia, vemos o essencial desse processo tal como trabalhado por alguns dos mais notáveis actores portugueses – Rita Blanco, Anabela Moreira, Beatriz Batarda, Vera Barreto, Cleia Almeida, Beatriz Batarda, Nuno Lopes e Marcello Urgeghe – sob a direcção de João Canijo.

A Midas apresenta também em antestreia no festival o filme “Swans”, a segunda longa-metragem de Hugo Vieira da Silva, que depois do premiado Body Rice, teve estreia mundial no Festival de Berlim, onde recebeu as melhores críticas internacionais. História de um pai e um filho que viajam para Berlim, para visitar a mãe do rapaz que está em coma e que ele nunca conheceu, o filme está inserido na Competição Nacional.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This