Sísifo_Pedro_Bonacina

Sísifo com Gregório Duvivier em Portugal

E pensar em Sísifo, (personagem da mitologia grega que eternamente empurra uma pedra até ao cimo de um monte, apenas para a ver rolar novamente até ao ponto de partida), como o primeiro gif que existiu? Foi este o ponto de partida de Gregório Duvivier e Vinícios Calderoni, para criarem uma “resposta artística a um momento histórico em que a desumanização domina a política e a inteligência artificial suplanta o calor dos corpos.” Esta “declaração de intenções” parece uma vasta, mas ao mesmo tempo promissora premissa, pelo menos pelo que se conhece do trabalho dos seus autores, Gregório Duvivier sobejamente conhecido do público português pela sua participação com A Porta dos Fundos, e Vinícios Calderoni, ator, escritor e músico aclamado pela crítica.

Segundo os quais, o próprio mito de Sísifo tem um paralelismo com a vida e a sua condição, no mito sabemos o seu princípio e o seu fim, ele empurra a pedra, a pedra rola para trás e assim sucessivamente, tal como na vida, sabemos como começa e como termina, a viagem que está pelo meio e a nossa vontade ou não, de lhe dar significado e procurar sentido no que acontece é o que a torna interessante. 

Ficam lançados os dados de um jogo que pretende tocar, no tempo de um gif ou na universalidade de um meme, em temas que percorrem o mundo e a humanidade, enquanto Duviver, em palco, assumindo várias personagens, vai subindo o monte e empurrando as pedras que contam as suas histórias e espelham o mundo. 

Vai ser possível ir ao encontro de Sísifo já no próximo dia 7 de Dezembro, no CCB em Lisboa, dia 8, no Porto, Teatro Sá da Bandeira, dia 9 no Convento de São Francisco, em Coimbra e dia 10 no Centro de Artes de Águeda.

 



There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This