“A Espiral da Vida” | Nick Lane

“A Espiral da Vida” | Nick Lane

A evolução é uma grande aventura

Desvendar a origem da vida é algo a que muito bom cientista se tem dedicado. Questões como “De onde vem o ADN?” ou “Porque morremos?” fazem parte dessa ânsia de descoberta que, com o desenvolvimento científico das últimas décadas, fez surgir novas teorias e investigações.

Nick Lane, bioquímico de profissão, fez uma reconstituição da vida a partir daquelas que considerou serem as dez mais notáveis invenções da evolução: a origem da vida; o ADN; a fotossíntese; a célula complexa; o sexo; o movimento; a visão; o sangue quente; a consciência; a morte.

Começando pela «sopa primitiva», que permitiu que o resultado final – e muito gourmet – tivesse sido uma bola azul e verde, “A Espiral da Vida” transforma a biologia em emoção, a ciência num produto da imaginação, num relato muito original que permite ler a evolução como uma grande aventura. Se Jules Verne tivesse sido cientista, provavelmente teria escrito algo de muito parecido.

Uma edição Gradiva



Também poderás gostar


There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This