DocLisboa 2011 – mais de 27000 espectadores

Pela primeira vez em cinco anos, um filme português foi seleccionado para a Competição Internacional. “É Na Terra Não É Na Lua”, de Gonçalo Tocha, ganhou o Grande Prémio Cidade de Lisboa para melhor longa ou média-metragem da Competição Internacional. Yama No Anata, de Aya Koretzky, ganhou o Prémio Doclisboa para melhor longa ou média-metragem da Competição Portuguesa. Para além das secções já conhecidas: competições, Riscos, Investigações, Heartbeat e Sessões Especiais Fora de Competição, o doclisbou organizou também várias actividades paralelas: ateliers docs4kids, workshops, debates, Lisbon Docs, entre outras. Recebeu mais de 2000 mil alunos em sessões escolas e grupos escolares e foram registadas cerca de 6000 visualizações de filmes na videoteca.

O doclisboa 2011 programou 172 filmes que vão de um minunto e meio a seis horas, recebeu mais de 60 convidados internacionais, teve 28 sessões esgotadas e mais de 27000 espectadores. Embora o número de filmes programados e sessões tenha diminuído em relação ao ano anterior, o número médio de espectadores por sessão aumentou cerca de 20%.



There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This