Pastéis de nata para Bach estreia no Teatro Municipal Joaquim Benite

Pastéis de nata para Bach, com encenação de Duarte Guimarães, estreia na sala experimental do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, no próximo dia 5 de Dezembro às 16h00 e ficará em cena até dia 20. O espectáculo é a nova produção da Companhia de Teatro de Almada para a infância. E se a falta de açúcar aborrecesse Bach tanto quanto o aborreciam os bloqueios criativos e a dormência da inspiração? Bach foi um compositor brilhante, um instrumentista virtuoso, muito admirado no seu tempo… E se escondesse um amor inconfessável por doces? Sobretudo por pastéis de nata, a famosa iguaria portuguesa que teve o privilégio de provar no Sacro Império Romano-Germânico, numa tarde longínqua do século XVIII? Pastéis de nata para Bach procura, segundo Teresa Gafeira, “remar contra a vulgaridade que caracteriza muita da produção teatral e musical para crianças”.

Depois de O barbeiro de SevilhaA flauta mágica e Verdi que te quero Verdi, a CTA continua assim o trabalho que tem vindo a desenvolver para aproximar os mais novos da música clássica e do teatro.

Duarte Guimarães (n.1978) estudou o curso de formação de actores na Escola Superior de Teatro e Cinema, e iniciou a sua carreira profissional como actor em 1997. Em televisão fez parte do elenco de novelas como O bairro da fonte (2000),Tu e eu (2006) e Rosa fogo (2011). O primeiro filme em que participou como actor foi Capitães de Abril (2000), realizado por Maria de Medeiros. Nos palcos, desde 1997 que tem participado em várias produções do Teatro da Cornucópia, tais como Os sete infantes (1997), Casamento de Fígaro (1999), Don Carlos infante de Espanha (2008), Pílades (2014) e mais recentemente Hamlet (2015). Adicionalmente, já integrou o elenco de várias produções da CTA, destacando-se Em direcção aos céus (2013) e Kilimanjaro(2014). Esta é a sua estreia como encenador.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This