“A convocação de todos os seres” @ Galeria da Culturgest no Porto

Inaugura na sexta-feira, 13 de Maio, às 22h, na Galeria da Culturgest no Porto, a exposição de Luísa Correia Pereira, “A convocação de todos os seres”, comissariada por Gaëtan Lampo e Miguel Wandschneider. A exposição estará aberta de 14 de Maio a 13 de Agosto. A entrada é gratuita.

Luísa Correia Pereira (Lisboa, 1945-2009) produziu, ao longo de quase quatro décadas, uma obra de pintura e de desenho idiossincrática, com notáveis fulgurações, mas que uma grande parte do mundo da arte desconhece ou à qual permanece indiferente. Em 2003, a Fundação EDP organizou, em colaboração com o Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian, uma exposição individual de Luisa Correia Pereira (Fiat Lux: Paris–Lisboa), que pretendia assumidamente reparar tal injustiça. A exposição estabelecia um contraponto entre uma selecção de trabalhos (pinturas a acrílico sobre tela e guaches e aguarelas sobre papel) do início da década de 1970 e um núcleo de pinturas e de desenhos realizados no final da década de 1990, pertencentes, na sua maioria, a duas importantes séries (Jogos Infantis e Desportos e Jogos).

“A convocação de todos os seres” desvenda a obra gráfica (gravuras em metal, linóleos, xilogravuras e monotipias) de Luisa Correia Pereira, datada de 1971 a 1974, anos fundadores e fundamentais da sua prática artística, durante os quais viveu em Paris. Apesar da extraordinária importância deste conjunto de trabalhos no contexto da sua obra, a maior parte deles permanece inédita. Esta exposição constitui assim uma oportunidade para (re)descobrir a obra desta artista e para reavaliar o seu lugar numa história da arte contemporânea portuguesa a necessitar urgentemente de outras narrativas.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This