robyn_honey

NOS Alive! 2019 | 11 de Julho – Uma antevisão

Edição após edição, o festival que ganhou raízes no Passeio Marítimo de Algés, habituou-nos a um cartaz de qualidade, que procura equilibrar nomes sonantes e valores seguros, com apostas em nomes emergentes.

É certo que por esta altura o cartaz ainda não está fechado mas o momento é tão bom como qualquer outro para olharmos um pouco para os nomes que vão actuar no primeiro dia do festival.

Palco NOS

Os The Cure foram a primeira banda a ser anunciada e são também o cabeça de cartaz. Robert Cure e companhia estão de regresso para mais um concerto por cá e embora esteja prevista uma nova edição para 2019, serão certamente as canções clássicas as mais aguardadas, num alinhamento que deverá ultrapassar as duas horas de duração. Dos nomes previstos para este primeiro dia há um que é aguardado com maior ansiedade. Robyn, é sueca e é um ícone incontornável da pop mundial e vai finalmente actuar por cá. “Honey” lançado em Outubro do ano passado deverá estar no centro das atenções mas “Body Tallk”, de 2011, é uma referência para muitos desde então, e não deverá ser esquecido.

Os Weezer têm um percurso único na música, e conseguem manter em seu redor uma aura de culto. “Black Album” é o último álbum de originais, editado em Março deste ano mas não passará pela cabeça de ninguém não ouvir «Say It Ain’t So» ou «Buddy Holly». Os Linda Martini também estão de regresso ao Palco NOS, pelo será de esperar a já incontornável descarga sónica.

Palco Sagres

Como sempre as propostas que o Palco Sagres tem, nunca devem ser menosprezadas. Sharon Van Etten vai mostrar como o sol entrou na sua vida e, em especial, nas canções de “Remind Me Tomorrow”. Dos Hot Chip espera-se que cumpram, mais uma vez, o seu desígnio: que nos façam dançar até doer os pés.

Nos últimos anos o Reino Unido têm-se revelado uma fonte inesgotável de renovação no que ao R&B diz respeito. Para comprovar isto, subirá ao palco Jorja Smith, dona de uma daquelas vozes capazes de fazer parar tudo. De Xavier Ruud esperamos a sua vertente de ambientalista e activista, que também se reflecte na sua música. Em Portugal não conhece outra realidade que não a sala cheia e ali, no Palco Sagres, não deverá ser muito diferente. Loyle Carner é uma das faces visíveis da nova corrente de hip hop que está a surgir em a partir de Londres e actuação no Palco Sagres será uma oportunidade única para o comprovar. Aos HONNE caberá a responsabilidade nos colocar a dançar entre altos e baixos. O duo londrino irá mostrar o mais recente “True Feeling” onde o som dos sintetizadores é rei e senhor.

Por último mas não menos importante, os Ornatos Violeta de Manel Cruz, Nuno Prata, Peixe, Kinorm e Elísio Damas irão interpretar, na íntegra, aquele que é um marco para uma geração, para celebrar o vigésimo(!) aniversário, Sim, referimo-nos ao “Monstro Precisa de Amigos”. Será a oportunidade perfeita para uma nova comunhão.

Palco Clubbing

Está alguns metros à esquerda do Palco Sagres e aqui o foco oscila entre a pista de dança e a palavra quando o hip hop assume o comando, o que vai acontecer neste primeiro dia. O brasileiro Emicida tem sido presença regular deste lado do Atlântico, seja em nome próprio em em registo de colaboração. 2019 vai ter álbum novo e por isso será provável que o rapper da zona norte de São Paulo levante um pouco o véu sobre o que está para vir. Stereossauro é metade dos Beatbombers, onde partilha o protagonismo com o incontornável DJ Ride. No Clubbing, “Bairro da Ponte” que faz a ponte entre o hip-hop e o fado será o mote para um concerto que tem tudo para ser único. Aos Maribou State cabe a (não menos importante) responsabilidade do clubbing, combinando a electrónica com o jazz e a soul.

Os bilhetes para o NOS Alive! 2019 estão à venda nos locais habituais.
Os bilhetes diários têm um custo de 60,98€ e os passes de três dias 139,77€.

A antevisão do dia 12 de Julho está disponível aqui.
A antevisão do dia 13 de Julho está disponível aqui.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This