S. João na Casa da Música

Se há festa popular que exalta a alma portuense é o S. João. Consagrando uma semana inteira aos festejos da quadra, com eventos de natureza diversa, a Casa da Música oferece um intenso programa no fim-de-semana alargado.

Na noite de quinta-feira, a concorridíssima noite de S. João, apresenta-se a Stopestra, orquestra de 100 músicos que faz do Centro Comercial Stop a sua “Casa da Música” e que, neste projecto, cruza todo o tipo de linguagens e estilos, do rock ao metal, do experimentalismo à pop, do jazz ao reggae. A primeira de duas apresentações da Stopestra está marcada para as 22:00 na Sala Suggia, decorrendo a segunda a partir das 23:30 e pela noite fora no Palco Super Bock, junto à esplanada. É também lá que prossegue, um dia depois, a actividade sanjoanina, com um Best of do Concurso Música na Rua, reunindo, como a designação indica, as melhores bandas reveladas por aquela iniciativa.

Na manhã de sábado começam os recitais de violoncelo em emblemáticos cafés da Baixa: Progresso, Majestic, Galeria de Paris e Guarany.  Em seis actuações, que se estendem até à manhã de domingo, as violoncelistas Carolina Matos, Teresa Valente Pereira e Raquel Reis levam-nos a revisitar a tradição oitocentista que fazia destes espaços palcos informais para os grandes intérpretes da música clássica, abrindo mais uma edição do Festival Suggia.

No sábado à noite, é altura do concerto de uma lenda viva da música negra: George Clinton, o pai do P-Funk, como ficou conhecido o funk de inspiração psicadélica. É na Sala Suggia, dia 25, pelas 22:00. Uma oportunidade imperdível de testemunhar a arte de um nome que, dentro do seu domínio musical, só se pode comparar, em influência, a James Brown, Sly Stone e poucos mais. Clinton faz-se acompanhar dos fiéis Parliament/Funkadelic, e não seria de estranhar que deles se ouvisse, logo a seguir, na Esplanada, mais ou ou dois temas, disparados em 7 polegadas nos pratos de Xico Ferrão, DJ do colectivo 7 Magníficos.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This