Teratron revelam segundo “cúmplice”

Adolfo Luxúria Canibal escreveu a história que João Maio Pinto desenhou. Uma historia que se conta, que se canta, que se lê e que se ouve, que se descobre com os 5 sentidos e deixa o 6º inquieto. Porque os Teratron exploram in extremis os conceitos de música, canção, imagem, composição ou escrita neste novo projecto. Porque não é de um novo álbum que se trata: os Teratron desconstroem todas as referências, rodeiam-se de “cúmplices” da sua zona de conforto – ou nem por isso -, e constroem um álbum que é música, é banda desenhada, é livro. Arte tri-angular.

João Maio Pinto é o segundo “cúmplice” do novo projecto dos Teratron a ser revelado, após a anunciada colaboração com Adolfo Luxúria Canibal na escrita do argumento original e interpretação de alguns dos dez temas. Referência da ilustração, design e banda desenhada nacionais, João Maio Pinto é um artista e docente vastamente reconhecido e premiado, com obra publicada em Portugal e no estrangeiro.

Edição em Dezembro de 2010.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This