Alabama Shakes, Palma Violets e Everything Everything confirmados no Vodafone Paredes de Coura 2013

“Um trio de luxo. É o mínimo que se pode dizer das novas confirmações do Vodafone Paredes de Coura. Alabama Shakes, Palma Violets e Everything Everything, três dos mais conceituados nomes do indie actual, integram o line up do festival a par dos já anunciados The Kills, Belle and Sebastian, Calexico, Toy, Bombino e Justice.

No dia 14 de Agosto, os Alabama Shakes trazem ao Vodafone Paredes de Coura as canções de “Boys & Girls”, o álbum de estreia nomeado para três Grammy Awards nas categorias de Artista Revelação, Melhor Actuação Rock com o tema “Hold On” e Melhor Capa de Álbum. Os Alabama Shakes são Britanny Howard, a vocalista e guitarrista que destila rock’n’roll, o baixista Zac Cockrell, a alma R&B da banda, Steve Johnson, o baterista declaradamente punk-rock, o teclista Ben Tanner e o guitarrista Heath Fogg. Ao vivo, os Alabama Shakes arrebatam plateias… para comprovar no Vodafone Paredes de Coura.

“A melhor maneira de ver uma banda de rock é vê-la tocar ao vivo”, diz o baixista dos Palma Violets, Jesson Chilli. A banda, que actua no Vodafone Paredes de Coura a 17 de Agosto, odeia estúdios de gravação, foge do YouTube, Facebook e sucedâneos e cresceu sem nenhuma estratégia de marketing que norteasse os seus passos. Na realidade, os Palma Violets afirmaram-se da forma mais tradicional: pelo “passa-a-palavra”. Uma sonoridade garage rock, primitiva e urgente, que colocou os Palma Violets na rota dos melhores palcos do mundo. O Vodafone Paredes de Coura é um deles.

Em 2013, os Everything Everything brindam os fãs do Vodafone Paredes de Coura com duas actuações: a primeira no Warm-up Vodafone Paredes de Coura a 12 de Abril, no Porto e a segunda no festival, a 15 de Agosto. Tudo está a acontecer rapidamente para os Everything, Everything: público e indústria musical rendidos, “Cough Cough”, o primeiro single do recém-editado segundo álbum “Arc”, entrou no Top 40 do Reino Unido, o convite dos Muse para serem a banda de suporte da digressão do passado Outono e os espectáculos que esgotam num piscar de olhos. Suspeita-se que a dose dupla de concertos no Vodafone Paredes de Coura não seja suficiente para satisfazer os fãs dos Everything Everything…”



Também poderás gostar


There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This