Daniel Melim vence “Prémio Jovens Pintores 2011” da Fidelidade Mundial

O jovem pintor Daniel Melim foi o grande vencedor do “Prémio Fidelidade Mundial Jovens Pintores 2011”, concurso levado a cabo pela seguradora do Grupo Caixa Geral de Depósitos com o objectivo de estimular a produção artística portuguesa na área da pintura e contribuir para o reconhecimento de jovens talentos.

Daniel Melim distinguiu-se pelos seus trabalhos em acrílico sobre membrana acrílica. O júri – composto por Miguel Lobo Antunes, administrador da Culturgest, pelos pintores João Queiroz e Bruno Pacheco e pelos curadores Leonor Nazaré e Miguel Wandschneider – escolheu o jovem pintor de um grupo de 77 artistas que enviaram obras a concurso, tendo também premiado Ana Manso, Jorge Lopes e Mariana Gomes com menções honrosas, sem hierarquia.

O prémio bienal da Fidelidade Mundial foi entregue na passada sexta-feira, dia 1 de Abril e atribuiu ao grande vencedor 7.500 euros, tendo os jovens artistas distinguidos com “Menções Honrosas” recebido um prémio de 3.750 euros, cada.

As obras destes artistas, bem como dos finalistas André Catalão e Rui Pedro Jorge, estão em exposição na Galeria Chiado 8, da Fidelidade Mundial, até ao próximo dia 29 de Abril.

O “Prémio Fidelidade Mundial Jovens Pintores” foi criado em 1990 e destina-se a artistas residentes em Portugal, com idades entre os 23 e os 30 anos e frequência do último ano de uma escola de arte.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This