“VERTIGO”, O MELHOR FILME DE TODOS OS TEMPOS, DE NOVO NO GRANDE ÉCRAN DOS CINEMAS

“Vertigo – A Mulher que Viveu Duas Vezes” de Alfred Hitchcock, que recentemente foi eleito o melhor filme de todos os tempos pela revista Sight and Sound, publicação do British Film Institute, deixando para trás “Citizen Kane” de Orson Welles, que estava há 50 anos no top, vai regressar no dia 20 de Dezembro aos cinemas, em Cópia Digital e na sua Versão Restaurada. Uma reposição da Midas Filmes, em exclusivo nos cinemas UCI El Corte Inglés em Lisboa e UCI Arrábida no Porto.

A partir de 3 de Janeiro, a reposição em cópia nova e digital estreará também noutras cidades do país: Coimbra, Aveiro, Viseu e Tavira, entre outras.

Uma oportunidade única de ver ou rever o filme como nunca antes o viu.

Vertigo, protagonizado por James Stewart e Kim Novak, foi recentemente eleito o melhor filme de todos os tempos pela Sight and Sound. A revista convida – desde 1952 e de 10 em 10 anos -, um painel de jurados especializados na área para nomear os melhores filmes de sempre.

Desta vez, ao contrário das últimas cinco décadas, os 846 distribuidores, críticos e académicos votaram na sua maioria na obra de 1958 de Alfred Hitchcock. “Vertigo – A Mulher que Viveu Duas Vezes” foi o filme mais nomeado, ficando à frente de “Citizen Kane – O Mundo a seus Pés”, de 1941, por mais 34 votos.

Com a reposição de “Vertigo”, a Midas dá início a um programa de reposição de “grandes clássicos no grande écran”.



Também poderás gostar


Pin It on Pinterest

Share This