BEIRUT @ SBSR 2011 – 14 JULHO

“Verdadeiro cometa indie, Zach Condon a.k.a. Beirut aparece do nada para tornar o ano de 2006 no seu ano de eleição. Nativo de Santa Fé, no Novo México, combina uma imensa variedade de estilos que vão da música cigana de leste ao folk mais contemplativo e melancólico. Zach conseguiu assim deixar perplexo e maravilhado meio mundo com o seu álbum de estreia “Gulag Orkestar”. Não era para menos… Neto do guitarrista de jazz Eddie Condom, o seu contacto com a música surgiu logo no início da sua adolescência, e cedo começa a gravar temas dentro do seu quarto.

Anos mais tarde, numa viagem que fez a Paris juntamente com o seu irmão, tomou contacto com as sonoridades dos Balcãs, música muito popular entre os estudantes parisienses e que iria influenciar fortemente os seus próximos projectos. 2007 foi mais um grande ano para o artista, com o primeiro EP “Long Islands” e depois com o longa duração “The Flying Club Cup”. Neste último, a chanson française ganha grande preponderância, situação não estranha pois Zach sempre afirmou ter uma grande admiração e estima por nomes como Jacques Brel, Serge Gainsbourg e Yves Montand.

O seu percurso contínua em alta, e muito aclamado pela crítica, o seu sucesso não parou de crescer, e eis que surge “March Of The Zapotec + Holland”, onde o ukelele e o trompete continuam a fazer parte, na boa tradição beirutiana, um álbum perdidamente romântico. Já os 5 temas que compõem “Holland” são uma inédita surpresa pois recria uma faceta pré-beirut, com música electro-acústica. E eis que, para gáudio de uma ‘imensa minoria’, Portugal o recebe novamente no Super Bock Super Rock!”



Também poderás gostar


There are no comments

Add yours

Pin It on Pinterest

Share This